Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Militares norte-americanos acreditam que EUA entrarão em guerra

Quase metade do Exército dos EUA está confiante de que durante o ano de 2019 seu país estará envolvido em um grave conflito armado, de acordo com o Military Times.
Sputnik

Segundo uma pesquisa recente, 46% dos participantes não duvidam que o confronto militar ocorrerá no próximo ano.


A título de comparação, em 2017, apenas 5% dos militares dos EUA esperavam um conflito armado, enquanto 50% descartaram um cenário de guerra e 4% não responderam.

Quanto aos inimigos mais prováveis, os soldados dos EUA mencionaram principalmente a Rússia e a China. Respectivamente, 72% e 69% dos entrevistados escolheram esses dois países.

Além disso, cerca de 57% estão preocupados com a presença de extremistas islâmicos nos Estados Unidos. Em particular, 48% destacaram uma possível ameaça por parte dos grupos terroristas Daesh e Al Qaeda (proibidos na Rússia e em outros países).

R.Tcheca expulsa três diplomatas russos por envenenamento ex-espião

A República Tcheca anunciou nesta segunda-feira a expulsão de três diplomatas russos e de suas famílias em resposta ao envenenamento do ex-espião Sergei Skripal no Reino Unido.


EFE

O Escritório do Governo tcheco explicou no Twitter que Praga, em consenso com os seus parceiros comunitários, deu hoje um prazo aos diplomatas russos até 1 de abril para deixar o país centro-europeu.


O ministro de Relações Exteriores da República Tcheca, Martin Stropnicky. EPA/MARTIN DIVISEK
O ministro de Relações Exteriores da República Tcheca, Martin Stropnicky. EPA/MARTIN DIVISEK

"Decidimos dar este passo após o ataque sem precedentes com uma substância química em Salisbury (a Inglaterra), afirmando a nossa unidade com a Grã-Bretanha", explicou o ministro de Relações Exteriores, Martin Stropnicky.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas