Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Cerimônia de Lançamento do Submarino Riachuelo

Temer e Bolsonaro participaram de lançamento do submarino Riachuelo
EBC | DefesaNet

O presidente Michel Temer e o presidente eleito, Jair Bolsonaro, participaram na manhã de hoje (14) da cerimônia de lançamento ao mar do submarino Riachuelo, no Complexo Naval de Itaguaí (RJ). O Riachuelo é o primeiro do Programa de Desenvolvimento de Submarinos, que tem parceria com a França.

A primeira-dama Marcela Temer, madrinha do Riachuelo, batizou o submarino quebrando uma garrafa contra o casco e pediu a bênção ao submarino e aos marinheiros que o navegarem.

“Estamos dando prova renovada da excelência da nossa indústria naval. Estamos mostrando que juntos somos capazes de superar qualquer desafio. País de vocação pacífica, o Brasil constrói seu submarino, não para ameaçar quem quer que seja, não para perturbar a tranquilidade das águas internacionais. O Brasil constrói seus submarinos, porque um país com mais de 7 mil quilômetros de costa, não pode prescindir de instrumentos para defesa de sua sobe…

Centenas de soldados ucranianos cometeram suicídio em Donbass desde o início da guerra

Cerca de 3.800 soldados ucranianos morreram no leste do país, incluindo 554 que se suicidaram, desde que uma operação militar contra separatistas começou em 2014, informou o principal promotor militar.


Sputnik

"Desde o início da Operação Anti-Terrorista, quase 326.000 pessoas receberam o status de combatente, 8.489 foram feridas ou mutiladas, 3.784 membros do serviço morreram e menos 554 cometeram suicídio", escreveu Anatolii Matios no Facebook na quarta-feira.


Foto de arquivo de tropas ucranianas andar em tanques perto de Artemivsk, leste da Ucrânia.
Tropas ucranianas © AP Photo / Evgeniy Maloletk

Matios disse que a falta de psicólogos levou a uma assistência muito limitada ao pessoal militar. Ele reclamou de uma abordagem "formal" para a reabilitação psicológica no exército.

Um equivalente de US$ 4 milhões foi desembolsado pelo governo este ano para reabilitar e reintegrar o pessoal militar, disse o promotor, mas o dinheiro ficou intocado porque nenhum contrato foi assinado com prestadores de serviços psicológicos.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas