Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Executiva da Huawei deixa a prisão após pagar fiança no Canadá; ex-diplomata canadense é preso na China

Justiça aceitou pedido da chinesa, que foi detida a pedido dos Estados Unidos e corria risco de extradição. Fiança estipulada fixada em US$ 7,5 milhões.
Por G1

A diretora financeira da Huawei, Meng Wanzhou, foi solta nesta quarta-feira (12) depois de passar 11 dias presa no Canadá.

A executiva teve aceito o pedido de liberdade condicional, por um juiz canadense. O valor da fiança foi fixado em 10 milhões de dólares canadenses (US$ 7,5 milhões).

Meng saiu da prisão poucas horas depois da ordem do juiz, informou o canal Global News.

"O risco de que não se apresente perante o tribunal (para uma audiência de extradição) pode ser reduzido a um nível aceitável, impondo as condições de fiança propostas por seu assessor", disse o juiz, aplaudido na sala do tribunal pelos partidários da empresa chinesa, informa a France Presse.

As condições de libertação incluem a entrega de seus dois passaportes, que permaneça em uma de suas residências de Vancouver e use tornozeleira eletrônica. Além dis…

CIAMA da Marinha do Brasil apresenta simulador de periscópio

Centro de Instrução Almirante Áttila Monteiro Aché realiza demonstração do Sistema de Simulação de Periscópio


Poder Aéreo

No dia 26 de março, o Centro de Instrução Almirante Áttila Monteiro Aché (CIAMA) realizou demonstração do Sistema de Simulação de Periscópio (SimPer), nas instalações do Centro de Treinamento Tático (CTT).

Almirante de Esquadra Alfredo Karam participa de demonstração do SimPer
Almirante de Esquadra Alfredo Karam, de 93 anos, participa de demonstração do SimPer

Empregando em seu escopo tecnologia 100% nacional, o SimPer é uma moderna ferramenta de instrução e adestramento. O sistema é composto por uma interface integrada ao novo Sistema de Combate AN/BYG-501, que lança o torpedo MK-48, dos Submarinos da Classe “Tupi” e “Tikuna”, possibilitando a simulação de cenários táticos complexos tanto em termos de ameaças, quanto de características ambientais.

Após um ano e cinco meses de trabalho iniciados em janeiro de 2017, e com investimento bem inferior quando comparado à proposta de empresa estrangeira, o simulador foi o resultado de uma parceria de sucesso entre o Centro Tecnológico da Marinha no Rio de Janeiro (CTMRJ), o Grupo de Sistemas Digitais do Instituto de Pesquisas da Marinha (IPqM), da Divisão de Modelagem e Simulação do Centro de Análises de Sistemas Navais (Casnav) e do Comando da Força de Submarinos.

A apresentação foi conduzida pelo Diretor-Geral de Desenvolvimento Nuclear e Tecnológico da Marinha, Almirante de Esquadra Bento Costa Lima Leite de Albuquerque Junior e contou com as presenças do ex-ministro da Marinha, Almirante de Esquadra Alfredo Karam, que na ocasião comemorava 93 anos, do Diretor-Geral do Pessoal da Marinha, Almirante de Esquadra Celso Luiz Nazareth, do Comandante em Chefe da Esquadra, Vice-Almirante Alipio Jorge Rodrigues da Silva, do ex-Diretor do Centro Tecnológico da Marinha no Rio de Janeiro, Vice-Almirante Alfredo Martins Muradas, e do Comandante da Força de Submarinos, Contra-Almirante Alan Guimarães Azevedo.

FONTE: Marinha do Brasil

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas