Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Irã desloca sistema russo de defesa S-300 para a costa do golfo Pérsico (VÍDEO)

Uma coluna de caminhões iranianos transportando vários sistemas anti-aéreos russos S-300 Favorit para a costa do golfo Pérsico foi capturada em vídeo por um motorista e postada no YouTube.
Sputnik

O vídeo mostra como caminhões transportam partes dos sistemas antiaéreos e coincide com a escalada de tensão entre os Estados Unidos e o Irã com o envio de um grupo de combate naval dos EUA para a costa iranianas, relata Alarabiya.


Segundo o jornal russo Rossiyiskaya Gazeta, o envio dessas unidades do S-300 para a costa persa responde à crescente presença militar e naval dos Estados Unidos. O artigo também explica que as unidades não viajam sozinhas por via terrestre e fazem isso em caminhões para preservar sua vida útil e garantir a segurança durante a viagem.

Em 13 de maio, o comandante das Forças Aeroespaciais da Guarda Revolucionária Islâmica, Amir Ali Hajizadé, assegurou que o país persa estava pronto para atacar os Estados Unidos devido à presença do referido grupo naval na região.

Hajizadé…

Daesh tenta ofensiva na Síria após bombardeio de base aérea

O grupo terrorista Daesh (proibido na Rússia e em vários outros países) tentou lançar uma ofensiva em várias áreas da província síria de Homs após o bombardeiro da base aérea T-4, comunicou nesta segunda-feira (9) o canal libanês Al Mayadeen.


Sputnik

"Logo após o ataque contra a base Tiyas [T-4] foram registradas tentativas do Daesh de avançar em direção de duas áreas localizadas no deserto", comunicou o correspondente do canal, citando suas fontes.


Terroristas do Daesh na Síria (foto de arquivo)
Terroristas do Daesh na Síria © AP Photo/ Militant website

No momento, não há informações sobre perdas entre os militares.

Anteriormente, a mídia síria comunicou que a base aérea T-4, localizada na província síria de Homs, foi alvo de um ataque de mísseis, apontando suspeitas de envolvimento dos EUA. Por sua vez, o canal Al Mayadeen comunicou que o bombardeiro foi levado a cabo por aviões que entraram ao espaço aéreo sírio a partir do território libanês.

O ataque de mísseis resultou em vários mortos e feridos.Posteriormente, a Casa Branca frisou que, no momento, os EUA não estão realizando operações militares contra a Síria.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas