Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

China: 'Relatório do Pentágono distorce nossas intenções estratégicas'

A China rejeita firmemente as conclusões do relatório do Departamento de Defesa dos EUA sobre a situação militar e de segurança no país asiático, disse em comunicado o porta-voz do Ministério da Defesa chinês, Lu Kang.
Sputnik

"Em 17 de agosto, o Departamento de Defesa dos Estados Unidos divulgou o relatório sobre a situação militar e de segurança na China, interpretando mal as intenções estratégicas da China e apresentando a chamada ‘ameaça militar chinesa' […] Os militares chineses expressam sua firme oposição a esse respeito", diz a declaração.

"As alegações do relatório dos EUA são pura especulação", disse Kang, explicando que o programa de modernização do Exército chinês se destina a defender "os interesses da soberania, segurança e desenvolvimento do país" e para "providenciar a paz, estabilidade e prosperidade globais".

O porta-voz do ministério chinês também reiterou a posição firme de seu país em relação a Taiwan, que ele definiu como u…

Iêmen dispara 8 mísseis contra alvos da Arábia Saudita

A unidade de mísseis iemenitas e os comitês populares tinham como alvo posições sauditas em Jizan com 8 mísseis.



Pars Today

Os mísseis eram Badr1 e atingiram lugares econômicos e importantes em Jizan, no sul do país.


Resultado de imagem para Iêmen dispara 8 mísseis contra alvos da Arábia Saudita

A Arábia Saudita e seus aliados regionais atacaram o Iêmen em março de 2015 para trazer de volta ao poder o presidente deposto do Iêmen Abdrabbuh Mansour Hadi.

Milhares de iemenitas foram mortos nos ataques da coalizão saudita-americana e mais de 2.000 morreram devido a uma epidemia de cólera.

Os sauditas, em seu último crime de guerra no Iêmen, bombardearam uma festa de casamento em Hajjah e mataram dezenas de civis inocentes, incluindo crianças.

Uma coalizão liderada pela Arábia Saudita que opera no Iêmen lançou dezenas de ataques aéreos em um campo rebelde em Sanaa, matando vários líderes Ansarullah, informou a mídia saudita no sábado.

A coalizão atingiu o campo de Najda perto do Ministério da Defesa no norte de Sanaa, assim como o prédio do governo no bairro de Sabin e um escritório de inteligência política, disse o jornal Sabk.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas