Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Israel prende o governador palestino de Jerusalém

Motivo da detenção foram crimes cometidos na Cisjordânia ocupada, segundo a Organização para a Libertação da Palestina.
France Presse

Israel prendeu o governador palestino de Jerusalém por crimes que teria cometido na Cisjordânia ocupada, que não foram especificados, informou a Organização para a Libertação da Palestina (OLP).

O governador Adnan Gheith foi detido no sábado (20) à noite no bairro palestino de Beit Hanina, em Jerusalém Oriental, ocupada e anexada por Israel. Será apresentado a um tribunal dentro de quatro dias, afirma a OLP em um comunicado.

Para o dirigente da OLP Saeb Erakat, a detenção é "um novo passo contra a presença palestina em Jerusalém" e constitui uma violação da legislação israelense a respeito das instituições palestinas da cidade.

"As ameaças contra dirigentes palestinos, sua detenção, inclusive o 'sequestro' do governador Gheith, são parte de um plano que pretende sufocar todas as bases de uma solução política com dois Estados e com as f…

Jatos sauditas atacam Sana'a em meio ao funeral do oficial Houthi

Dezenas de milhares de iemenitas tomaram as ruas da capital, Sana'a, para realizar uma procissão funerária para ums alta autoridade do movimento Houthi Ansarullah que foi morto em um ataque aéreo saudita.


Pars Today

Os iemenitas se reuniram em Sanaa no sábado para homenagear Saleh al-Samad, presidente do Conselho Político Supremo do Iêmen, que perdeu a vida em um ataque aéreo saudita em sua residência na cidade portuária de Hudaydah, no Mar Vermelho, em 19 de abril.


Jatos sauditas atacam Sana'a em meio ao funeral do oficial Houthi

O canal de televisão libanês al-Mayadeen informou um ataque saudita perto da cerimônia fúnebre, mas não houve relatos imediatos de possíveis baixas.

O canal também disse que as forças iemenitas dispararam oito mísseis balísticos tipo Badr 1 contra "alvos econômicos e vitais" na região de Jizan, no sudoeste da Arábia Saudita, em retaliação.

O míssil atingiu precisamente os alvos, de acordo com o relatório. A TV da Arábia Saudita citou o Ministério da Defesa dizendo que quatro mísseis destinados à província foram interceptados.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas