Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Defesa do Brasil tem maior gasto com pessoal na década, e investimento militar cai

Despesas com ativos e inativos crescem R$ 7,1 bi em 2019, reflexo de aumento salarial
Por Igor Gielow e Gustavo Patu | Folha de S.Paulo

A previsão de gasto militar para o primeiro ano de governo do capitão reformado do Exército Jair Bolsonaro (PSL) traz o maior aumento de despesa com pessoal em dez anos e uma redução expressiva do investimento em programas de reequipamento das Forças Armadas.
Não fosse uma criatividade contábil dos militares, que conseguiram recursos com a capitalização de uma estatal para comprar novos navios, a despesa de investimento seria a menor desde 2009.

A Folha analisou a série histórica com a ferramenta de acompanhamento orçamentário Siga Brasil, do Senado. Para este ano, o Ministério da Defesa, ainda na gestão Michel Temer (MDB), planejou gastar R$ 104,2 bilhões, o quarto maior volume da Esplanada.

Desse montante, R$ 81,1 bilhões irão para pessoal, R$ 13,3 bilhões, para gastos correntes (custeio) e R$ 9,8 bilhões, para investimentos. Os valores não incluem o con…

Mídia: militares russos encontram em Douma armazém para produção de armas químicas

Militares russos encontraram em Douma, na Síria, um armazém com substâncias necessárias para produção de armas químicas, informa o canal russo Zvezda.


Sputnik

"As substâncias encontradas, tais como tiodiglicol e dietanolamina, são necessárias para obter iperita sulfurosa ou nitrosa. Para além disso, no armazém foi encontrado uma botija com cloro, idêntico àquele que foi usado pelos radicais para produzir notícias falsas", destaca o Zvezda.


Cidade síria de Douma, foto de arquivo
Douma, Síria © REUTERS / Bassam Khabieh

Acrescenta-se também que o armazém foi instalado no porão de um prédio residencial. Segundo detalhou um especialista das Tropas da Defesa Nuclear, Biológica e Química, o laboratório era usado pelos terroristas que controlavam a cidade.

Também foram encontradas "notas com fórmulas químicas e cálculos de proporções", as provas estão sendo examinadas pelos especialistas russos.

Mais cedo apareceram informações que o exército sírio havia encontrado em um dos povoados de Ghouta Oriental um esconderijo clandestino com equipamentos necessários para criar substâncias tóxicas.

No início de abril os países ocidentais acusaram Damasco de usar armas químicas na cidade síria de Douma. Moscou desmentiu as informações sobre o suposto uso de uma bomba de cloro pelos militares sírios. Como medida de resposta, os EUA, Reino Unido e França lançaram contra o território sírio mais de 100 mísseis que foram abatidos pelos sistemas de defesa antiaérea síria.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas