Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Lançamento do Submarino Riachuelo – S40 (VIDEO)

Hoje, 14 de dezembro, às 10h da manhã em Itaguaí-RJ, teve início a Cerimônia de Lançamento do Submarino Riachuelo, o primeiro de uma série de quatro submarinos convencionais e um nuclear que estão sendo construídos pela Marinha do Brasil. A cerimônia conta com a presença do Presidente da República.
Poder Naval

O nome do primeiro submarino, “Riachuelo”, é alusivo à Batalha Naval do Riachuelo, considerada decisiva na Guerra do Paraguai, com atuação destacada da Marinha do Brasil.


Acompanhe a Cerimônia em tempo real no vídeo no final deste post.
Prosub

O Brasil tem o mar como uma forte referência em todo o seu desenvolvimento. É nessa área marítima que os brasileiros desenvolvem as atividades pesqueiras, o comércio exterior e a exploração de recursos biológicos e minerais. A imensa riqueza das águas, do leito e do subsolo marinho nesse território justifica seu nome: Amazônia Azul.

A Amazônia Azul cobre uma área de 3,5 milhões de quilômetros quadrados. Mas o país pleiteia na Organização das Naç…

Otan vê cúpula da Coreia como 'primeiro passo' de 'um longo caminho'

O secretário-geral da Otan, Jens Stoltenberg, considerou que a histórica cúpula intercoreana realizada nesta sexta-feira, na qual Seul e Pyongyang selaram um acordo para a desnuclearização, é um "primeiro passo" de um caminho "longo para uma solução para a crise" da península.


EFE

Bruxelas - "Acredito que o mais importante hoje é comemorar este encontro, embora o caminho seja longo para uma solução para a crise; o que vemos na península coreana é uma primeira etapa muito importante", afirmou Stoltenberg em entrevista coletiva durante a reunião de ministros de Relações Exteriores da Aliança realizada hoje em Bruxelas.


EFE/ Korea Summit Press
Kim Jong-un e Moon Jae-in | EFE/ Korea Summit Press

O político norueguês se mostrou cauteloso e considerou que "falta muito trabalho a fazer" e que "o fato de as duas partes conseguirem se reunir é uma primeira etapa".

Os líderes da Coreia do Sul e da Coreia do Norte, Moon Jae-in e Kim Jong-un, realizaram hoje a primeira cúpula intercoreana em 11 anos e a terceira da história, e nela encenaram um primeiro passo para a reconciliação nacional e concordaram em trabalhar para a desnuclearização da península da Coreia.

"A pressão que foi aplicada sobre a Coreia pela comunidade internacional foi importante", afirmou Stoltenberg em referência às sanções políticas e econômicas impostas pela ONU a pessoas e entidades diretamente envolvidas no programa de testes nucleares.

O político se mostrou "plenamente convencido de que esta pressão internacional aumentada permitiu reunir as condições necessárias para esta cúpula" e acolheu "o progresso e o compromisso" de ambas as partes "de resolver suas diferenças".

O líder da Aliança acrescentou a necessidade de continuar aplicando estas sanções "até que a Coreia do Norte mude o seu comportamento".

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas