Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Fuzileiros Navais do Brasil e dos EUA ratificam acordo de cooperação

Diálogo conversou com o Contra-Almirante (FN) da Marinha do Brasil (MB) Nélio de Almeida para conhecer detalhes dessa parceria
Por Marcos Ommati | Diálogo Américas | Poder Naval

Criar mais oportunidades de intercâmbio de conhecimento e treinamento combinado entre os Fuzileiros Navais do Brasil e dos Estados Unidos. Este é o objetivo principal de um plano de cinco anos ratificado em fevereiro de 2019 entre os representantes de ambas as forças, o Contra-Almirante (FN) da Marinha do Brasil Nélio de Almeida, comandante do Desenvolvimento Doutrinário do Corpo de Fuzileiros Navais (CFN) do Brasil e presidente nacional da Associação de Veteranos desta força, e o Contra-Almirante Michael F. Fahey III, comandante do Corpo de Fuzileiros Navais Sul dos EUA (MARFORSOUTH, em inglês). O C Alte Nélio recebeu Diálogo em seu escritório na Ilha do Governador, Rio de Janeiro, para dar detalhes do acordo e conversar sobre outros temas de interesse das marinhas do Brasil e de outros países da região e dos E…

Pentágono anuncia venda de US$ 830 milhões em mísseis para Finlândia e Romênia

A empresa de armas Lockheed Martin recebeu um contrato de US$ 830 milhões para fornecer à Finlândia, Coreia do Sul e Romênia seu Sistema de Lançamento Múltiplo de Mísseis Guiados.


Sputnik

A informação foi divulgada pelo Departamento de Defesa dos EUA através de um comunicado à imprensa.


O teste final do Sistema de Lançamento Múltiplo de Mísseis Guiados, Novo México, EUA.
Sistema de Lançamento Múltiplo de Mísseis Guiados © Foto: UK Ministry of Defence

"A Lockheed Martin Corporation [de] Grand Prairie, Texas, recebeu um contrato de vendas militares para estrangeiros (Finlândia, República da Coreia do Sul e Romênia) de US$ 828.724.214 para os Sistemas de Lançamento Múltiplo de Mísseis Guiados", afirmou o comunicado divulgado nesta sexta-feira.

O trabalho designado no contrato será realizado na cidade de Grand Prairie, no estado do Texas e deve levar pelo menos mais dois anos para ser concluído. A data data estimada para conclusão foi estipulada em 31 de maio de 2020, disse o Departamento de Defesa.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas