Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Rússia testará novo avião de transporte militar até o final do ano

Il-112V deverá substituir modelos soviéticos An-24 e An-26, considerados obsoletos.
Nikolai Litôvkin | Russia Beyond

A nova aeronave de transporte militar Il-112V completou os testes de fábrica e está sendo preparada para o primeiro voo, que está previsto para o final de 2018.


Caso os testes sejam bem sucedidos, o Il-112V substituirá nas Forças Armadas russas os modelos An-24 e An-26, desenvolvidos no início dos anos 1960.

O Ilyushin Il-112 é um avião de transporte militar leve de asa alta que está sendo desenvolvido pela Ilyushin Aviation Complex para transporte de cargas militares, equipamentos e pessoal.

Sua capacidade de carga máxima "útil" a bordo será de até cinco toneladas.

Os projetistas pretendem desenvolver duas versões do avião: uma com hangares estendidos para o transporte de equipamentos militares, carga e soldados; e outra, civil, para o transporte de passageiros e carga leve.

O Il-112V é um monoplano com configuração aerodinâmica tradicional e dois poderosos motores…

Porta-aviões russo receberá novo armamento após modernização

Recentemente, foi anunciado que o único porta-aviões russo, Admiral Kuznetsov, será modernizado segundo o contrato fechado com um centro de reparação de embarcações russo.


Sputnik

O porta-aviões russo Admiral Kuznetsov será dotado do sistema antiaéreo naval, Pantsir, bem como de um novo equipamento energético, comunicou aos jornalistas o subcomandante da Marinha russa, Viktor Bursuk.


Porta-aviões russo Admiral Kuznetsov (foto de arquivo)
Admiral Kuznetsov © Sputnik / Serviço de Imprensa da Frota do Norte/Andrey Luzik/USO EDITORIAL

"Os trabalhos serão iniciados já em maio. A defesa antiaérea será aperfeiçoada. Serão instalados novos sistemas da versão naval Pantsir", afirmou Bursuk, acrescentando que após a modernização, o equipamento energético do porta-aviões será também aperfeiçoado com a instalação de novas caldeiras e novas bombas hidráulicas.

De acordo com o subcomandante, depois de ser modernizada, a embarcação deverá voltar ao serviço ativo russo até 2021.

No momento, a Marinha da Rússia possui somente um porta-aviões, ou seja, cruzador pesado, Admiral Kuznetsov, que entrou em serviço ainda em 1991, na época da União Soviética.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas