Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Rússia testará novo avião de transporte militar até o final do ano

Il-112V deverá substituir modelos soviéticos An-24 e An-26, considerados obsoletos.
Nikolai Litôvkin | Russia Beyond

A nova aeronave de transporte militar Il-112V completou os testes de fábrica e está sendo preparada para o primeiro voo, que está previsto para o final de 2018.


Caso os testes sejam bem sucedidos, o Il-112V substituirá nas Forças Armadas russas os modelos An-24 e An-26, desenvolvidos no início dos anos 1960.

O Ilyushin Il-112 é um avião de transporte militar leve de asa alta que está sendo desenvolvido pela Ilyushin Aviation Complex para transporte de cargas militares, equipamentos e pessoal.

Sua capacidade de carga máxima "útil" a bordo será de até cinco toneladas.

Os projetistas pretendem desenvolver duas versões do avião: uma com hangares estendidos para o transporte de equipamentos militares, carga e soldados; e outra, civil, para o transporte de passageiros e carga leve.

O Il-112V é um monoplano com configuração aerodinâmica tradicional e dois poderosos motores…

'Se acabou o tempo de nos atacar e de fugir', diz líder supremo do Irã

"Se acabou o tempo de nos atacar e de fugir. Seus ataques serão respondidos com ataques", avisou o líder supremo iraniano, aiatolá Ali Khamenei, comentando os bombardeios efetuados na Síria no domingo (29), informou o jornalista israelense Amichai Stein.


Sputnik

Além disso, o líder supremo iraniano declarou que "onde quer que Washington entre, cria instabilidade e traz miséria às pessoas e, por isso, os EUA devem se retirar do Sudoeste Asiático; os EUA devem abandonar essa região". 


Líder supremo iraniano, Ali Khamenei
Aiatolá Ali Khamenei © AP Photo/ Sem credencial

Na noite do domingo (29) a agência síria Sana citou uma fonte militar que confirmou "uma nova agressão com mísseis inimigos" cujo alvo foram posições militares em Hama e Aleppo.

Segundo algumas fontes, o ataque casou a morte de vários militares iranianos e Israel poderia ter estado por trás de ataque, embora não exista confirmação oficial dessa suposição.

No domingo, o ministro da Defesa de Israel, Avigdor Lieberman, disse que o país irá manter sua "liberdade de operação" na Síria.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas