Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Super Tucano em teste pela Força Aérea dos EUA sofre acidente

Queda sem causa ainda definida é má notícia para a fabricante brasileira, que disputa concorrência com americanos
Igor Gielow | Folha de S.Paulo

Um turboélice A-29 Super Tucano, fabricado pela Embraer, caiu durante um exercício de ataque leve conduzido pela Força Aérea dos EUA em um campo de provas do Novo México, na sexta (22).

Dois tripulantes conseguiram se ejetar. Segundo comunicado da base de Holloman, um dele se feriu levemente e foi medicado, enquanto não há detalhes do estado do segundo. A causa do acidente não foi divulgada.

O avião participa da fase final da competição para fornecimento de aviões leves para missões de ataque a solo e reconhecimento. Inicialmente, os EUA querem adquirir 15 unidades, para depois expandir a até 120. Elas servirão para substituir o famoso A-10 Warthog (Javali, em inglês), um modelos subsônico a jato fortemente armado e blindado que opera desde 1977.

Os americanos estão procurando opções mais econômicas para a missão. Enquanto um A-10 tem sua hora-voo…

Tanques T-72 para o Uruguai?

O site Defence Blog noticiou que as Forças Armadas do Uruguai receberão um lote de 100 tanques de batalha T-72B1MS “White Eagle” (Object 184-1MS) da Rússia, de acordo com informações fornecidas pelo repórter de defesa russo e especialista militar Alexey Khlopotov em 7 de abril.


Forças Terrestres

Alexey Khlopotov disse que 100 tanques T-72B1MS serão entregues ao Uruguai em dois lotes de 50 veículos de combate. Além dos tanques atualizados, o Uruguai receberá o simulador de tanques TT-72WE para o treinamento da tripulação.

T-72B1 da Nicarágua

Uma nova variante atualizada do tanque de batalha principal T-72 (MBT), conhecida como T-72B1MS “White Eagle” (também chamada de T-72B1), foi desenvolvida pela 61ª fábrica de reparos de veículos blindados em Strelna, nos arredores de São Petersburgo. O tanque atualizado T-72B1MS recebeu o visor do artilheiro diurno/noturno PN-72U Sosna-U.

O banco do comandante está equipado com o visor panorâmico PKP-72 Sokolinyi Glaz (Falcon Eye) integrado com um gerador de imagens térmicas de terceira geração. Além disso, o tanque é equipado com uma nova estação de arma remota na torre armado com uma metralhadora pesada de 12,7 mm NSVT Utes.

O T-72 é um carro de combate de segunda geração soviético que entrou em produção em 1971. Cerca de 20.000 tanques T-72 foram construídos, tornando-se um dos mais produzidos após a Segunda Guerra Mundial, perdendo apenas para a família T-54/55.

No momento, a Rússia procura vender o excedente desses tanques para outros países.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas