Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Águas 'quentes' da Síria: fragata russa persegue submarino nuclear dos EUA

Durante sua última missão no mar Mediterrâneo em abril passado, a fragata Admiral Essen da Marinha russa conseguiu detectar e perseguir um submarino nuclear dos EUA perto da costa síria. Essa informação foi só agora tornada pública.
Sputnik

A fragata Admiral Essen, pertencente à Frota do Mar Negro, perseguiu o submarino estadunidense da classe Ohio durante mais de duas horas, comunica o jornal russo Izvestiya, citando o Estado-Maior da Marinha russa.

A tripulação do navio russo registrou os parâmetros principais do submarino para, em seguida, os adicionar ao retrato acústico do submersível.

A fragata havia partido para o mar Mediterrâneo em março e regressou à base de Sevastopol no fim de junho. Encontrava-se na zona costeira síria quando os EUA, o Reino Unido e a França atacaram a Síria com mísseis.

Além disso, no decurso da missão, a sua tripulação realizou uma série de manobras táticas. Em particular, treinou ataques contra alvos marítimos e aéreos, combate em grupo e isolado, bem como…

'Cada vez mais fortes': ministro ucraniano gaba novas armas americanas

O ministro do Interior da Ucrânia, Arsen Avakov, comunicou que as Forças Armadas da Ucrânia receberam o primeiro lote de lança-granadas norte-americanos RSRL-1.


Sputnik

"Hoje, uma nova arma potente começou a proteger a Ucrânia. Cada vez mais fortes!", escreveu Avakov em seu Facebook.

Soldados do exército ucraniano
Militares ucranianos © AP Photo/ Efrem Lukatsky

Ele também frisou que durante as manobras os soldados da Guarda Nacional avaliaram como elevado o potencial do novo sistema. No total, o exército ucraniano recebeu 500 unidades do sistema norte-americano.

O RSRL-1 é um lança-granadas antitanque com calibre de 40 mm. O alcance do sistema atinge 800 metros, enquanto o cano suporta até mil tiros. O sistema é produzido pela empresa norte-americana AirTonic.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas