Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

China: 'Relatório do Pentágono distorce nossas intenções estratégicas'

A China rejeita firmemente as conclusões do relatório do Departamento de Defesa dos EUA sobre a situação militar e de segurança no país asiático, disse em comunicado o porta-voz do Ministério da Defesa chinês, Lu Kang.
Sputnik

"Em 17 de agosto, o Departamento de Defesa dos Estados Unidos divulgou o relatório sobre a situação militar e de segurança na China, interpretando mal as intenções estratégicas da China e apresentando a chamada ‘ameaça militar chinesa' […] Os militares chineses expressam sua firme oposição a esse respeito", diz a declaração.

"As alegações do relatório dos EUA são pura especulação", disse Kang, explicando que o programa de modernização do Exército chinês se destina a defender "os interesses da soberania, segurança e desenvolvimento do país" e para "providenciar a paz, estabilidade e prosperidade globais".

O porta-voz do ministério chinês também reiterou a posição firme de seu país em relação a Taiwan, que ele definiu como u…

Colômbia será primeiro 'parceiro global' da OTAN na América Latina

O presidente colombiano destacou que o país será o único da América Latina com o privilégio de fazer parte da OTAN. A Colômbia também acertou parceria com a Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE).


Sputnik

O presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, anunciou na noite desta sexta-feira (25) a concretização de um acordo de parceria com a OTAN e com a Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE).

Presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos
Presidente da Colômbia Juan Manuel Santos © REUTERS / John Vizcaino

"Sermos membros da OCDE nos permitirá fazer melhor as coisas, ver o que deu errado e o que funcionou em outros países. Com nossa entrada, melhoraremos nossas políticas públicas", disse o líder colombiano.

Em relação à Aliança do Norte, ele destacou que "a Colômbia será o único país da América Latina que tem tal privilégio".

"A entrada na OTAN melhora a imagem da Colômbia e nos permite ter muito mais jogo no cenário internacional", acrescentou.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas