Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Putin ameaça retaliar se EUA instalarem mísseis na Europa

Em seu discurso sobre o estado da nação, presidente russo faz ataques a Washington e promete apontar seu arsenal para os Estados Unidos e para o continente europeu se mísseis americanos atravessarem o Atlântico.
Deutsch Welle

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, alertou nesta quarta-feira (20/02) que seu país responderá a um possível envio de mísseis americanos à Europa, fazendo com que não apenas os países que receberem esses armamentos se tornem alvos, mas também os Estados Unidos.


Em seu discurso anual sobre o estado da nação em Moscou, Putin elevou o tom ao comentar uma nova e potencial corrida armamentista. Ele afirmou que a reação russa a um possível envio seria rigorosa e que as autoridades em Washington – algumas das quais estariam obcecadas com o "excepcionalismo" americano – deveriam calcular os riscos antes de tomar qualquer medida.

"É o direito deles de pensar da forma que quiserem. Mas eles sabem fazer cálculos? Tenho certeza que sabem. Deixemos que eles cal…

Como no cinema: confira VÍDEO épico dos treinamentos militares russos

O Ministério da Defesa da Rússia publicou em sua conta no YouTube um vídeo dos recentes treinamentos militares em massa realizados em Mulino, região de Nizhny Novgorod.


Sputnik

Em Mulino está situado o polígono de Gorojovetski, o maior na Europa, dando a impressão que as manobras ocorressem em um deserto.


O tanque T-72 na qualificação da competição de Biatlo de Tanques 2016, na região de Chelyabinsk (Rússia)
Tanque russo T-72 © Sputnik / Aleksandr Kondratuk

A gravação capturou o equipamento militar de vários ângulos, o que fez com que as manobras ficassem mais parecidas com cenas de filmes, segundo a edição Rossiyskaya Gazeta.

De acordo com a edição, que citou o serviço de imprensa do Ministério da Defesa russo, os treinamentos duraram uma semana e contaram com a participação de mais de 3 mil militares e 600 unidades do equipamento militar, incluindo tanques T-72B3, obuses autopropulsados MSTA-B, sistemas Grad e máquinas de desminagem UR-77.

As ações das divisões motorizadas contaram com o apoio aéreo, proporcionado pelos helicópteros Mi-8AMTSh Terminator e drones Orlan-10.

A edição frisou que pela primeira vez, os exercícios envolveram especialistas na guerra mediática, que jogaram de um helicóptero 50 mil panfletos, ordenando às "formações armadas ilegais" que depusessem as armas e se rendessem.

Do mesmo modo, durante os treinamentos foi utilizada a experiência dos militares russos na Síria, sobretudo a relacionada com a retirada de civis de uma cidade bloqueada e a "separação dos refugiados dos terroristas”. Esta tarefa foi cumprida com êxito pela polícia militar de Nizhny Novgorod e pela inteligência do Ministério de Defesa da Rússia, concluiu a edição.


Comentários

Postagens mais visitadas