Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Putin ameaça retaliar se EUA instalarem mísseis na Europa

Em seu discurso sobre o estado da nação, presidente russo faz ataques a Washington e promete apontar seu arsenal para os Estados Unidos e para o continente europeu se mísseis americanos atravessarem o Atlântico.
Deutsch Welle

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, alertou nesta quarta-feira (20/02) que seu país responderá a um possível envio de mísseis americanos à Europa, fazendo com que não apenas os países que receberem esses armamentos se tornem alvos, mas também os Estados Unidos.


Em seu discurso anual sobre o estado da nação em Moscou, Putin elevou o tom ao comentar uma nova e potencial corrida armamentista. Ele afirmou que a reação russa a um possível envio seria rigorosa e que as autoridades em Washington – algumas das quais estariam obcecadas com o "excepcionalismo" americano – deveriam calcular os riscos antes de tomar qualquer medida.

"É o direito deles de pensar da forma que quiserem. Mas eles sabem fazer cálculos? Tenho certeza que sabem. Deixemos que eles cal…

Drones subaquáticos russos Poseidon poderiam portar ogiva nuclear de 2 megatons

O veículo subaquático não tripulado russo Poseidon, que está em desenvolvimento, seria capaz de portar uma ogiva nuclear com capacidade de até dois megatons de trotil para destruição de bases militares marítimas inimigas, segundo comunicou uma fonte da indústria militar russa.


Sputnik

"O 'torpedo' do sistema multifuncional Poseidon seria capaz de portar diferentes cargas nucleares. A potência máxima de um monobloco corresponderá a uma carga termonuclear de dois megatons de trotil", declarou a fonte.

Imagem do novo drone submarino russo mostrada durante a mensagem anual de Vladimir Putin à Assembleia Federal Rússia
Ilustração de drone submarino russo © Foto : Ministério da Defesa da Rússia

O funcionário especificou que o drone subaquático será usado para "destruir bases navais fortificadas de possíveis inimigos".

Segundo ele, os drones Poseidon apresentados pelo presidente russo, Vladimir Putin, em março deste ano, atingirão velocidade de 60 a 70 nós (110 a 130 km/h), se moverão a um quilômetro de profundidade e terão alcance intercontinental.

Conforme outra fonte da indústria militar, os veículos Poseidon poderiam vir a entrar no arsenal da Marinha russa em conformidade com o programa de armas correspondente aos anos de 2018 a 2027 e a fazer parte de um novo submarino especializado.

Comentários

Postagens mais visitadas