Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Donetsk declara estar em prontidão de combate para se defender de suposta ofensiva de Kiev

Os destacamentos da autoproclamada República Popular de Donetsk (RPD) estão em prontidão de combate total e completamente equipados com todo o necessário para o caso de haver uma possível ofensiva das Forças Armadas da Ucrânia em Donbass, declarou aos jornalistas o vice-comandante da Milícia Popular da RPD, Eduard Basurin.
Sputnik

Anteriormente, Donetsk denunciou a preparação de um grande ataque por parte de Kiev no sul da região de Donetsk com uso de veículos blindados pesados, artilharia e lançadores múltiplos de foguetes.


Segundo dados da inteligência, a ofensiva foi programada para 14 de dezembro com o objetivo final de tomar sob controle a fronteira com a Rússia. O líder da RPD, Denis Pushilin, declarou por sua vez que as forças de Donetsk estavam prontas para repelir o ataque.

"Todas as unidades militares foram colocadas em prontidão de combate total. Desde o momento em que recebemos informação sobre a preparação de uma ofensiva em grande escala do lado ucraniano, os nossos des…

General israelense conta sobre 1º uso militar de caças F-35

O primeiro uso dos caças F-35 de quinta geração ocorreu no céu sobre a Síria, disse o general de brigada israelense Shlomo Brom em entrevista ao Business Insider.


Sputnik

Anteriormente, o comandante da Força Aérea israelense Amikam Norkin disse que Israel foi o primeiro país a usar o F-35 em combate. Segundo ele, esses caças já foram "usados duas vezes em várias frentes", mas ele não mencionou detalhes sobre as operações.

Caças israelenses F-35 realizam voo em Jerusalém durante comemorações do 69º Dia da Independência, em 2 de maio de 2017
F-35 Lightining II israelenses © AFP 2018 / Thomas Coex

O general afirmou que Israel decidiu usar o F-35 em 10 de maio. Em seguida, Tel Aviv acusou as forças iranianas al-Quds de lançar 20 mísseis nas Colinas de Golã, depois que a Força Aérea de Israel atacou instalações militares e depósitos de munição na Síria. Em ataque semelhante realizado em fevereiro, caças F-15 e F-16 foram usados, sendo que um deles foi abatido pelos sírios, observa Brom.

Em Damasco foi declarado que as forças de defesa antiaérea sírias derrubaram "dezenas de mísseis", a maioria deles não alcançou o objetivo. Os restantes atingiram "alguns cálculos da defesa antiaérea, radar e depósito de munição". Como resultado do ataque, três pessoas morreram.

Israel é o único país que possui caças F-35 no Oriente Médio. Ele encomendou dos EUA 50 aviões, 9 dos quais já receberam.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas