Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Oficial do Hezbollah: nossos mísseis podem atingir qualquer ponto de Israel

O Hezbollah é capaz de atingir qualquer ponto em Israel com seus mísseis, disse Sheikh Naim Qassem, secretário-geral adjunto do movimento libanês Hezbollah em entrevista ao jornal iraniano al-Vefagh.
Sputnik

"Não há um único ponto nos territórios ocupados fora do alcance dos mísseis do Hezbollah", disse Qassem.


Segundo o alto funcionário, os mísseis servem para impedir Israel de iniciar outra guerra com o Líbano, expondo a "frente israelense".

Qassem comentou também a guerra na Síria, onde o Hezbollah desempenhou um papel ativo na assistência ao governo sírio contra vários agrupamentos terroristas, incluindo o Daesh e Frente al-Nusra (grupos terroristas proibidos na Rússia). O funcionário elogiou as vitórias alcançadas contra os terroristas, mas criticou os EUA por sua suposta obstrução ao processo de paz.

As tensões entre Tel Aviv e o movimento libanês xiita Hezbollah aumentaram em 4 de dezembro depois que as tropas israelenses lançaram a operação Northern Shield, dest…

Irã chama premiê israelense de 'mentiroso infame' sobre alegações nucleares

Depois de Israel ter acusado o Irã do desenvolvimento do programa secreto de armas nucleares, o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores iraniano classificou alegações como "esgotadas, inúteis e vergonhosas".


Sputnik

Bahram Ghasemi chamou as acusações de Teerã estar mentindo sobre suas ambições nucleares de "esgotadas, inúteis e vergonhosas".


Premiê israelense, Benjamin Netanyahu, falando sobre o programa nuclear iraniano com mapa de provas no plano de fundo, Tel Aviv, 30 de abril
Benjamin Netanyahu em sua apresentação © AFP 2018/ Jack GUEZ

"Netanyahu e o regime sionista notório, que mata crianças, deve ter percebido que as pessoas do mundo têm bastante consciência e conhecimento", adicionou.

Na segunda-feira (30), Israel acusou o país persa de desenvolver um programa secreto de armas nucleares. Durante discurso, Netanyahu mostrou supostas provas do programa secreto iraniano chamado Amad, ou seja, de que República Islâmica do Irã estaria desenvolvendo um programa secreto de armamento nuclear.

O premiê israelense declarou que Israel compartilhou informação do programa nuclear secreto do Irã com os serviços de inteligência dos EUA, e se mostrou confiante que Trump "tomará decisão correta" quanto ao abandono ou não do acordo com o Irã.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas