Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Su-57 russo supera caças de 5ª geração F-22 e F-35 dos EUA, diz piloto militar

O uso de caças F-22 pela Força Aérea dos EUA na Síria privou este modelo de suas vantagens sobre aeronaves russas, segundo a mídia norte-americana. Em entrevista ao serviço russo da Rádio Sputnik, um piloto militar russo comentou a situação.
Sputnik

A utilização de caças norte-americanos F-22 na Síria privou os EUA das vantagens destes caças em relação aos caças russos, escreveu o jornal Military Watch. Segundo Veralinn Jamieson, tenente-general da Força Aérea dos EUA, os céus do Iraque e da Síria se tornaram "armazém de informações" para russos sobre atuação de caças estadunidenses durante operações.

Segundo o autor do artigo, os russos tiveram bastante tempo para analisar e testar a tecnologia de furtividade dos F-22, além de terem coletado dados sobre o uso da aeronave e encontrado meios de combatê-la. Além disso, a Rússia poderá usar essas tecnologias na fabricação de suas aeronaves.

O artigo enfatiza que os radares dos sistemas de mísseis antiaéreos S-300 e S-400 da Rússia …

Iraque recebe novo lote de jatos KAI T-50 da Coreia do Sul

O Iraque recebeu uma nova leva de aviões de combate sul-coreanos, informou o Ministério da Defesa no dia 3 de maio.


Poder Aéreo

Bagdá (Iraque) – Uma declaração do Security Media Center disse que “um novo lote de T-50, formado por seis caças, chegou ao Iraque”.


KAI T-50IQ
Jatos KAI T-50IQ, do primeiro lote

Um contrato previamente assinado entre a Coreia do Sul e o Iraque declarava o fornecimento de 24 caças T-50IQ.

Assinado em 2013, o contrato estipulava que a entrega dos jatos começaria em abril de 2016, no entanto, a entrega foi adiada sem esclarecimentos do ministério.

O custo unitário de um jato de treinamento T-50 chega a cerca de US$ 21 milhões. A versão de ataque TA-50 custa US$ 25 milhões e a de caça FA-50, US$ 30 milhões.

Em abril, o Ministério do Exterior disse que o embaixador iraquiano na Coreia do Sul, Haider Shayya al-Barak, visitou a sede da empresa de fabricação KAI para acompanhar a execução do contrato dos caças T-50 IQ.

Os T-50 entraram em serviço nas forças sul-coreanas em 2005. Ele vai se juntar à frota do Iraque, que inclui caças F-16 dos EUA, aviões de ataque Sukhoi Su-25 e jatos de treinamento tchecos.

Postar um comentário