Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Israel concentra mais forças na fronteira com Faixa de Gaza e está pronto a agir

As Forças de Defesa de Israel (IDF, na sigla em inglês) concentraram mais forças na fronteira com a Faixa de Gaza e estão prontas para usá-las se for necessário, comunica a assessoria da entidade militar.
Sputnik

A decisão foi tomada no decurso da reunião no Estado-Maior e é uma resposta aos combates de ontem (11), que causaram morte de um militar israelense e sete palestinos.


"As IDF aumentaram suas forças no Distrito Sul e estão dispostas, se for preciso, a agir com mais vigor", destaca o comunicado da entidade.

No decurso da operação militar que teve lugar no enclave palestino neste domingo (11) um tenente coronel de uma unidade especial israelense foi morto. Ao mesmo tempo, a parte palestina perdeu sete homens, inclusive um comandante militar. Após os confrontos, os palestinos lançaram 17 mísseis contra o sul de Israel, dois deles foram interceptados pelos sistemas de defesa antiaérea Iron Dome (Cúpula de Ferro).

Foi igualmente informado que, tendo em conta a situação, o prim…

Israel apreende "Navio da Liberdade" de Gaza e o leva para porto de Ashdod (VIDEO)

O exército de Israel capturou nesta terça-feira o "Navio da Liberdade", que zarpou durante a manhã da Faixa de Gaza com o objetivo de romper o bloqueio marítimo e chegar ao Chipre, e o está transferindo para o porto de Ashdod, que fica próximo do território palestino.


EFE

Jerusalém - "Um navio palestino foi capturado com pelo menos 17 palestinos a bordo", confirmou à Agência Efe uma porta-voz militar israelense, que acrescentou que a operação aconteceu sem a adoção de medidas excepcionais.


Resultado de imagem para Israel apreende Navio da Liberdade
Reprodução

"O navio será examinado e levado para a base naval de Ashdod. Depois de uma investigação, os palestinos serão enviados de volta à Faixa de Gaza", acrescentou a fonte, que afirmou que os mesmos, em princípio, não serão detidos.

O exército israelense oferecerá assistência médica às pessoas que viajavam na embarcação, caso seja necessário.

Pouco antes, quatro navios militares israelenses interceptaram e cercaram a embarcação, que zarpou esta manhã do porto da Cidade de Gaza com feridos, doentes e estudantes a bordo, que reivindicam permissão para deixar a Faixa.

Adham Abu Selmeya, da Comissão Nacional para Desafiar o Bloqueio, confirmou em comunicado que quatro embarcações armadas interceptaram o navio palestino nas nove milhas para as quais foi ampliado recentemente na região norte o limite habitual de seis milhas pela alta temporada de pesca.



Postar um comentário

Postagens mais visitadas