Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Turquia acionará judicialmente os EUA, caso entregas dos F-35 sejam bloqueadas

Segundo o porta-voz do presidente turco, Ibrahim Kalin, a Turquia recorrerá a medidas jurídicas caso as entregas dos F-35 sejam bloqueadas pelos EUA.
Sputnik

Ibrahim Kalin citou para a mídia turca que "não é nada fácil rescindir este contrato, somos parte de um contrato multilateral, cumprimos com todas as exigências e pagamos, caso os EUA não cumpram, recorreremos à lei".

O Congresso americano decidiu recentemente suspender as entregas dos caças americanos de quinta geração F-35 à Turquia devido aos planos de Ancara de adquirir o sistema de defesa antiaérea russo S-400, além de ameaçá-la com sanções em diversas ocasiões, como citado em artigo da Sputnik Mundo.

O avançado sistema antiaéreo S-400 Triumph (SA-21 Growler, na classificação da OTAN) é capaz de abater alvos aéreos com tecnologia furtiva, mísseis de cruzeiro e mísseis balísticos táticos e táticos-operacionais, tem um alcance de até 400 km e pertence à geração 4+, sendo duas vezes mais eficaz que seus antecessores.

Os se…

Kremlin teme aumento de tensão após mudança da embaixada dos EUA a Jerusalém

O Kremlin expressou nesta segunda-feira o temor de que a abertura da embaixada dos Estados Unidos em Jerusalém ocasione um aumento da tensão em toda a região do Oriente Médio.


EFE

Moscou - "Temos esse temor. Já dissemos anteriormente", respondeu o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, ao ser questionado pela imprensa sobre o assunto.


Resultado de imagem para kremlin
Kremlin | Reprodução

Pouco antes, o ministro das Relações Exteriores russo, Sergey Lavrov, acusou a Casa Branca de danificar o direito internacional com decisões como a mudança da embaixada americana em Israel para Jerusalém e a saída unilateral do acordo nuclear com o Irã.

"Infelizmente, voltamos a comprovar que Washington busca revisar acordos internacionais fundamentais, como aconteceu com o acordo nuclear e como se viu com o problema de Jerusalém", disse Lavrov ao se reunir nesta segunda-feira em Moscou com o colega iraniano, Mohamad Yavad Zarif.

Os palestinos convocaram protestos tanto em Gaza como na Cisjordânia contra o mudança da embaixada americana, que contradiz o consenso internacional de não reconhecer soberania em Jerusalém até que palestinos e israelenses cheguem a um acordo de paz e estabeleçam as fronteiras.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas