Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Turquia acionará judicialmente os EUA, caso entregas dos F-35 sejam bloqueadas

Segundo o porta-voz do presidente turco, Ibrahim Kalin, a Turquia recorrerá a medidas jurídicas caso as entregas dos F-35 sejam bloqueadas pelos EUA.
Sputnik

Ibrahim Kalin citou para a mídia turca que "não é nada fácil rescindir este contrato, somos parte de um contrato multilateral, cumprimos com todas as exigências e pagamos, caso os EUA não cumpram, recorreremos à lei".

O Congresso americano decidiu recentemente suspender as entregas dos caças americanos de quinta geração F-35 à Turquia devido aos planos de Ancara de adquirir o sistema de defesa antiaérea russo S-400, além de ameaçá-la com sanções em diversas ocasiões, como citado em artigo da Sputnik Mundo.

O avançado sistema antiaéreo S-400 Triumph (SA-21 Growler, na classificação da OTAN) é capaz de abater alvos aéreos com tecnologia furtiva, mísseis de cruzeiro e mísseis balísticos táticos e táticos-operacionais, tem um alcance de até 400 km e pertence à geração 4+, sendo duas vezes mais eficaz que seus antecessores.

Os se…

Londres mantém desacordo com Trump sobre mudança de embaixada para Jerusalém

O governo do Reino Unido ressaltou nesta segunda-feira o desacordo em relação à decisão do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de transferir a Embaixada americana para Jerusalém e deixou claro que a delegação britânica continuará em Tel Aviv.


EFE

Londres - "A primeira-ministra (Theresa May) disse em dezembro, quando houve o primeiro anúncio, que estamos em desacordo com a decisão dos Estados Unidos de levar a embaixada para Jerusalém e de reconhecer Jerusalém como a capital israelense antes de um acordo final" com os palestinos, disse um porta-voz do governo britânico.


Resultado de imagem para Theresa May
Theresa May | Sky News

"A Embaixada britânica em Israel está em Tel Aviv e não temos planos para transferi-la", acrescentou.

O governo britânico reiterou essa postura após nove palestinos morrerem e 512 ficarem feridos por fogo israelense nos protestos na fronteira de Gaza contra a mudança da Embaixada de EUA de Tel Aviv para Jerusalém.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas