Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Donetsk declara estar em prontidão de combate para se defender de suposta ofensiva de Kiev

Os destacamentos da autoproclamada República Popular de Donetsk (RPD) estão em prontidão de combate total e completamente equipados com todo o necessário para o caso de haver uma possível ofensiva das Forças Armadas da Ucrânia em Donbass, declarou aos jornalistas o vice-comandante da Milícia Popular da RPD, Eduard Basurin.
Sputnik

Anteriormente, Donetsk denunciou a preparação de um grande ataque por parte de Kiev no sul da região de Donetsk com uso de veículos blindados pesados, artilharia e lançadores múltiplos de foguetes.


Segundo dados da inteligência, a ofensiva foi programada para 14 de dezembro com o objetivo final de tomar sob controle a fronteira com a Rússia. O líder da RPD, Denis Pushilin, declarou por sua vez que as forças de Donetsk estavam prontas para repelir o ataque.

"Todas as unidades militares foram colocadas em prontidão de combate total. Desde o momento em que recebemos informação sobre a preparação de uma ofensiva em grande escala do lado ucraniano, os nossos des…

Marinha do Brasil abre para as mulheres os Corpos da Armada e de Fuzileiros

A Escola Naval permitirá pela primeira vez na história que mulheres se candidatem aos Corpos da Armada e dos Fuzileiros Navais da Marinha do Brasil. O ingresso de mulheres no Corpo de Intendentes da Marinha já era permitido em concursos anteriores.


Sputnik

A concorrência, que foi de 262 candidatas por vaga no último ano, agora deve aumentar com a novidade e se aproximar da relação masculina, de 301 candidatos por vaga. As inscrições para o concurso vão até o dia 11 de junho.

Desfile de tropa da Marinha em Brasília
Desfile de tropa da Marinha do Brasil | AP Photo / Eraldo Peres

"A Marinha foi pioneira na inclusão das mulheres nas Forças Armadas, em 1980", conta o comandante do Corpo de Aspirantes da Escola Naval, comandante Considera, em entrevista à Sputnik Brasil. "Ao longo de mais de 30 anos, as mulheres vêm se destacando na Marinha, por sua competência profissional e pela capacidade de liderança."

Segundo o comandante Considera, a entrada das mulheres nos Corpos da Armada e de Fuzileiros Navais é um processo de evolução natural. "A participação feminina na Marinha do Brasil vem contribuindo muito para o avanço e o desenvolvimento das nossas atividades", declara o oficial.

O comandante Considera lista as características que as candidatas e os candidatos devem ter para serem aprovados:

"Antes de mais nada, os candidatos à Escola Naval precisam ter elevados padrões morais e éticos. Em termos de qualidades esperadas, estão ainda: determinação, força de vontade, abnegação e dedicação aos estudos."

Além disso, a instituição – o mais antigo estabelecimento de ensino superior no país – trabalha com 16 virtudes esperadas dos aspirantes, uma lista que o comandante Considera resume em cinco características principais: honra, lealdade, espírito de sacrifício, patriotismo e disciplina.

Os aprovados fazem o curso, que tem duração de 4 anos letivos, em regime de internato, e recebem uma bolsa-auxílio de R$ 1.100,00. Após a conclusão, os aspirantes fazem o ciclo pós-escolar de um ano, que inclui uma viagem de instrução no navio-escola Brasil, e se formam como segundo-tenentes, o primeiro posto na carreira de oficial de Marinha.

Para se inscrever, o candidato (ou candidata) precisa ser brasileiro, solteiro, ter ensino médio completo e idade entre 18 e 23 anos até o dia 1.º de janeiro. As inscrições estão disponíveis no site da Marinha do Brasil.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas