Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

EUA criticam bombardeiros russos na Venezuela: "Nós mandamos navio-hospital"

O coronel Robert Manning, porta-voz do Departamento de Defesa dos Estados Unidos, criticou com veemência nesta segunda-feira o envio de bombardeiros russos à Venezuela e citou o envio de navio-hospital à região como exemplo do compromisso de Washington com a região.
EFE

Washington - "O enfoque dos EUA sobre a região difere do enfoque da Rússia. No meio da tragédia, a Rússia envia bombardeiros à Venezuela e nós mandamos um navio-hospital", declarou Manning durante uma entrevista coletiva realizada hoje no Pentágono.


O militar se referia com estas palavras ao USNS Comfort, que partiu em meados de outubro rumo à América Central e à América do Sul para oferecer ajuda sanitária aos milhares de refugiados venezuelanos amparados por diversos países da região.

"Enquanto nós oferecemos ajuda humanitária, a Rússia envia bombardeiros", lamentou Manning em referência ao envio uma esquadrilha de aviões russos, incluindo dois bombardeiros estratégicos T-160, capazes de carregar bomb…

Marinha dos Estados Unidos planeja instalar armas laser em seus navios

A Marinha dos EUA planeja instalar armas a laser Helios em navios de combate para substituir os canhões e os complexos de mísseis, escreve a mídia britânica citando fontes militares norte-americanos.


Sputnik

A edição Daily Star comunica que o complexo Helios vai substituir o sistema de artilharia Phalanx MS-15 e poderá proteger os navios de toda uma série de ameaças.


Resultado de imagem para us navy laser
U.S. Navy Laser Gun Demonstration - "LaWS" Laser Weapon System

"Trata-se de armas laser que passaram a ter a potência e a estrutura de raio necessários para proteger as embarcações de veículos aéreos não tripulados, pequenos navios, bem como de algumas armas de curto alcance", frisou a fonte.

O uso do Helios vai livrar a Marinha dos EUA da necessidade de armazenar munições no navio, diz o artigo.

Entretanto, os especialistas indicam ao que a Marinha dos EUA ainda não está pronta para tais novidades. Assim, na opinião do especialista do Centro de Avaliações Estratégicas e Orçamentárias Mark Gunzinger, ainda não foi construído o sistema de "abastecimento elétrico adequado" para as armas laser.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas