Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Os mísseis russos que se tornaram alvo de disputa entre EUA e Turquia

A Turquia, dona do segundo maior Exército entre os 29 países que compõem a Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte), está prestes a adquirir mísseis antiaéreos S-400.
BBC News Brasil

Os S-400 são os mísseis "terra-ar" mais avançados do mundo e se tornaram motivo de uma disputa entre Turquia e Estados Unidos que pode ameaçar a aliança militar das potências ocidentais.

Isso porque os S-400 são fabricados na Rússia, o principal rival da organização fundada em 1949 justamente para se opor à então União Soviética.

A insistência da Turquia em adquirir os mísseis russos irritou os Estados Unidos, que encaram a decisão como uma potencial ameaça para seus aviões de combate F-35, também em vias de serem comprados pelos turcos.
Troca de farpas

"Não ficaremos de braços cruzados enquanto os aliados da Otan compram armas dos nossos adversários", advertiu o vice-presidente dos EUA, Mike Pence, durante um encontro organizado há poucos dias em Washington para celebrar o aniversár…

Motociclista é morto a tiros por soldado do Exército brasileiro em blitz no Rio

Homem tentou furar posto de bloqueio e controle do Exército próximo à Transolímpica e foi atingido por disparo, segundo o Comando Militar do Leste. Ônibus foi incendiado após morte.


Por G1

Um motociclista foi morto em uma blitz do Exército, na noite deste sábado (12), no Rio de Janeiro. O tiro foi disparado por um soldado na Rua Salustiano Silva, na Zona Norte da cidade.

Resultado de imagem para Motociclista é morto a tiros por soldado do Exército em blitz no Rio
Soldados do Exército fazem blitz no Rio | Márcio Alves / Agência O Globo

O Comando Militar do Leste afirma que o motociclista tentou furar um posto de bloqueio e controle do Exército por volta das 20h30, na área da Vila Militar próximo à Transolímpica, e foi atingido por um disparo de arma de fogo proferido por um dos soldados que operavam o posto.

"Todas as providências legais cabíveis estão sendo tomadas nesse momento", afirmou o Comando Militar do Leste, em nota. "As circunstâncias estão sendo apuradas."

O Corpo de Bombeiros identificou a vítima como Diego Augusto Ferreira, de 25 anos. Após a morte, um ônibus da linha 793 (Pavuna-Sulacap) foi incendiado na Rua Almeida e Souza, em Magalhães Bastos, a poucos metros do local da blitz. Segundo funcionários da emrpesa de ônibus, não houve feridos no incêndio.

A Delegacia de Homicídios do Rio de Janeiro informou que não foi acionada para fazer a perícia no local. O 14º Batalhão da Polícia Militar (Bangu) disse que também não foi acionado para responder à ocorrência.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas