Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Área militar do governo brasileiro demonstra desconforto com suspensão de investigação do caso Queiroz

Integrantes da área militar do governo demostraram desconforto com o pedido de suspensão da investigação para apurar movimentações financeiras de Fabricio Queiroz consideradas "atípicas" pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf).
Por Gerson Camarotti | G1

A avaliação de auxiliares do presidente Jair Bolsonaro é que essa decisão tomada pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), só faz prolongar o desgaste provocado pelo caso.

O ministro Luiz Fux atendeu pedido do deputado estadual e senador eleito Flavio Bolsonaro (PSL-RJ), de quem Queiroz foi assessor. O Coaf apontou movimentação de R$ 1,2 milhão em uma conta bancária de Queiroz durante um ano sem que houvesse esclarecimento.

Para esses auxiliares, foi uma surpresa a solicitação feita por Flávio Bolsonaro para suspender as investigações.

“Ainda não há uma explicação convincente. Enquanto isso não acontecer, o desgaste desse caso vai continuar. Já está demorando demais”, comentou ao blog um auxilia…

Arábia Saudita derruba míssil balístico disparado por houthis

As forças de defesa aéreas da Arábia Saudita interceptaram um míssil balístico disparado por militantes iemenitas que atacaram a capital do país, Riad.


Sputnik

Após o ataque interceptado, os militantes Houthi declararam, conforme citado pelo canal de TV al Masirah, que estavam atacando o centro de dados do Ministério da Defesa da Arábia Saudita e uma série de outros alvos.

Artilharia do Exército saudita dispara contra o Iêmen a partir de um posto perto da fronteira saudita-iemenita, no sudoeste do país, em 13 de abril de 2015. A Arábia Saudita lidera uma coalizão de vários países árabes realizando ataques aéreos contra os rebeldes xiitas Huthis que invadiram a capital Sanaa em setembro e se expandiram para outras partes do Iêmen.
Artilharia do exército saudita © AFP 2018 / FAYEZ NURELDINE

Anteriormente, a Reuters relatou, citando testemunhas locais, que várias explosões foram ouvidas na capital da Arábia Saudita.

Alguns usuários do Twitter compartilharam vídeos retratando flashes no céu causados pelos supostos disparos.

Os houthis lançaram dezenas de mísseis contra a Arábia Saudita nos últimos meses com objetivo de atingir vários locais, inclusive o aeroporto internacional de Riad.

A coalizão liderada pela Arábia Saudita, principalmente de países do golfo Pérsico, tem implementado uma operação militar no Iêmen atendendo ao pedido do governo reconhecido mundialmente do presidente Abd-Rabbu Mansour Hadi, alvejando, já por três anos, as posições dos militantes houthis. Os rebeldes forçaram Haidi ao exílio no início de 2015.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas