Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Expansão da OTAN na Europa é uma 'relíquia da Guerra Fria', diz Putin

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse em entrevista à imprensa sérvia publicada nesta quarta-feira (horário local) que a Rússia não quer uma nova corrida armamentista.
Sputnik

"Não vamos fechar os olhos ao desdobramento de mísseis de cruzeiro dos EUA [na Europa] e sua ameaça direta à nossa segurança. Teremos que tomar medidas eficazes de retaliação. Mas como país responsável e sensato, a Rússia não está interessada em uma nova corrida armamentista", afirmou.


Segundo o presidente russo, Moscou enviou em dezembro a Washington algumas propostas sobre a manutenção do Tratado INF. Além disso, Putin destacou que a Rússia está pronta para um diálogo sério com os Estados Unidos sobre toda a agenda estratégica.

No entanto, os Estados Unidos parecem ter uma política de "desmantelamento" em relação ao controle global de armas, acrescentou o presidente russo.

Durante a entrevista aos meios de comunicação sérvios, Putin também instou os parceiros ocidentais a estabelecer um …

Coalizão liderada pela Arábia Saudita teria entrado no principal aeroporto do Iêmen

Os militares iemenitas apoiados pela coalizão liderada pela Arábia Saudita lançaram em 13 de junho uma ofensiva para conquistar o aeroporto de Hodeidah aos houthis depois dos rebeldes xiitas terem fracassado em responder à proposta do governo de se retirar da cidade portuária para resolver o conflito pacificamente.


Sputnik

De acordo com a agência de notícias Reuters citando a assessoria de imprensa da coalizão, as forças da aliança árabe tomaram o controle do aeroporto-chave de Hodeidah.


Soldados estão em um tanque da coalizão liderada pela Arábia Saudita, na periferia da cidade portuária de Aden, no sul do Iêmen.
Tropas da Arábia Saudita no Iêmen © AFP 2018 / Saleh Al-Obeidi

A assessoria de imprensa disse no seu Twitter que, depois de a coalizão liderada pela Arábia Saudita ter entrado no aeroporto, as equipes de desminagem chegaram ao local.

Na quarta-feira (13), as forças iemenitas apoiadas pela coalizão lançaram uma ofensiva para conquistar o aeroporto e a área ao redor aos rebeldes xiitas iemenitas depois de os houthis terem fracassado responder à proposta do governo de se retirar da cidade portuária para resolver o conflito pacificamente.

Em meio aos confrontos, várias organizações internacionais e grupos de direitos humanos, apelaram às partes em conflito iemenitas para reduzir as hostilidades na cidade.

A cidade de Hodeidah é uma das áreas mais densamente povoadas do Iêmen, e o seu porto é vital para o fornecimento de ajuda humanitária a este país do Oriente Médio devastado pelo conflito entre o governo e os rebeldes houthis.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas