Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Área militar do governo brasileiro demonstra desconforto com suspensão de investigação do caso Queiroz

Integrantes da área militar do governo demostraram desconforto com o pedido de suspensão da investigação para apurar movimentações financeiras de Fabricio Queiroz consideradas "atípicas" pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf).
Por Gerson Camarotti | G1

A avaliação de auxiliares do presidente Jair Bolsonaro é que essa decisão tomada pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), só faz prolongar o desgaste provocado pelo caso.

O ministro Luiz Fux atendeu pedido do deputado estadual e senador eleito Flavio Bolsonaro (PSL-RJ), de quem Queiroz foi assessor. O Coaf apontou movimentação de R$ 1,2 milhão em uma conta bancária de Queiroz durante um ano sem que houvesse esclarecimento.

Para esses auxiliares, foi uma surpresa a solicitação feita por Flávio Bolsonaro para suspender as investigações.

“Ainda não há uma explicação convincente. Enquanto isso não acontecer, o desgaste desse caso vai continuar. Já está demorando demais”, comentou ao blog um auxilia…

Exército russo terá em breve módulo robotizado de alta precisão (VÍDEO)

A poderosa arma de controle remoto possui enorme precisão e pode ser instalada em qualquer veículo moderno, seja terrestre ou naval.


Sputnik

A empresa fabricante de tanques russa UVZ (UralVagonZavod) publicou um vídeo sobre o projeto do módulo de combate robotizado Baikal.


Módulo roborizado de alta precisão AU-220M, conhecido como Baikal
Módulo robotizado russo AU-220M | CC BY-SA 4.0 / Wikipedia

O módulo é também designado como AU-220M e foi apresentado em 2015.

Consiste em uma torre de controle remoto equipada com um moderno canhão de 57 milímetros com vários tipos de munições, incluindo guiadas, e uma metralhadora de 7,62 milímetros de calibre.

A principal peculiaridade é o controle remoto da torre. A tripulação do blindado não precisa estar presente na torre (o alvo mais provável de ataques), sendo o controle dos armamentos efetuado a partir da parte interior protegida e até mesmo de fora do veículo.

Além disso, o novo módulo possui sofisticados sistemas de estabilização e pontaria, o que permite disparar com alta precisão em quaisquer condições climáticas, mesmo à noite ou em pleno andamento.

O módulo AU-220M será apto a instalar em todos os futuros veículos blindados russos, seja a plataforma Armata, Kurganets-25 ou Boomerang, além do próprio BMP-3 e do BMPT Terminator.

Também é possível instalar o sistema em navios de guerra e até em navios militares pesados.


Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas