Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Marinha do Brasil simula resgate de civis em área de conflito ou desastre natural (VÍDEO)

A Marinha do Brasil realizou entre os dias 6 e 14 de novembro a Operação Atlântico, na praia de Itaoca, no Espírito Santo. A simulação deste ano treinou os oficiais para casos em que houvesse resgate de civis em uma área de conflito armado ou que foram alvos de desastres naturais.
Sputnik

Era por volta de 5h40 do dia 10 de novembro, um sábado, ainda estava amanhecendo, quando o Almirante Paulo Martinho Zucaro, Comandante da Força de Fuzileiros da Esquadra, olhou e disse para a reportagem da Sputnik Brasil: "É guerra".


A declaração foi dada para explicar os motivos de se realizar um treinamento deste porte mesmo em condições extremamente desfavoráveis. A chuva era forte, as ondas na beira da praia atingiam 1,5 metros e os ventos chegaram a 20 km/h. O nível de dificuldade preocupava o alto comando, mas não foi um problema para os fuzileiros e marinheiros.

Antes do amanhecer, sete Carros Lagarta Anfíbios (CLAnf) chegaram à praia e deram início ao desembarque. Após eles chegarem foi…

Guterres pede fim imediato da escalada militar no sudoeste da Síria

Em comunicado divulgado pelo seu porta-voz, secretário-geral da ONU destaca que ataques recentes causaram o desalojamento de milhares de civis, sendo que a maioria segue para a fronteira com a Jordânia.


ONU

O secretário-geral da ONU está muito preocupado com a recente escalada militar no sudoeste da Síria. Ataques em terra e bombardeios aéreos resultaram no deslocamento de milhares de civis, sendo que a maioria segue em direção à fronteira com a Jordânia.

Chefe da ONU já esteve com refugiados em Zatari, na Jordânia.
Chefe da ONU já esteve com refugiados em Zatari, na Jordânia | Foto: ONU/Sahem Rababah

Em um comunicado divulgado pelo seu porta-voz na noite desta sexta-feira, António Guterres afirma que essas ofensivas causam grandes riscos para a segurança da região.

Fragilidade

Segundo Guterres, a situação dos civis do sul da Síria já é frágil, por isso ele pede o fim imediato da escalada militar e faz um apelo aos lados envolvidos no conflito para que respeitem os civis.

O chefe da ONU lembra que acordos de cessar-fogo levaram uma relativa calma ao sudoeste da Síria no último ano e faz um apelo por contenção da violência.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas