Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

China convoca embaixador dos EUA após sanção por compra de jatos russos

O Ministério de Relações Exteriores da China convocou neste sábado o embaixador dos EUA em Pequim para protestar contra a decisão de Washington de sancionar uma agência militar chinesa e seu diretor após a compra de caças russos e de avançado sistema de mísseis terra-ar.
Reuters

O vice-ministro das Relações Exteriores chinês, Zheng Zeguang, convocou o embaixador Terry Branstad para apresentar “representações severas” e protestar contra as sanções, disse a pasta.

Mais cedo, o porta-voz do Ministério da Defesa chinês, Wu Qian, disse que a decisão da China de comprar caças e sistemas russos foi um ato normal de cooperação entre países soberanos, e que os Estados Unidos “não tinham o direito de interferir”.

Na quinta-feira, o Departamento de Estado dos EUA impôs sanções ao Departamento de Desenvolvimento de Equipamentos da China (EED, na sigla em inglês) depois que o órgão se envolveu em “transações significativas” com a Rosoboronexport, principal exportadora de armas da Rússia.

As sanções est…

Irã apoia cessar-fogo no Afeganistão

Bahram Qassemi, o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores do Irã, afirmou no sábado. que a República Islâmica do Irã apoia a trégua entre o governo do Afeganistão e os Talibãs.


Pars Today
"A República Islâmica do Irã apoia a decisão do governo afegão de estabelecer um cessar-fogo com os Talibãs”, disse Bahram Qassemi, porta-voz do Ministério das Relações Exteriores do Irã.

Irã apoia cessar-fogo no Afeganistão
Bahram Qassemi, o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores do Irã | Reprodução

O diplomata iraniano fez as declarações depois que o presidente do Afeganistão, Ghani, ofereceu um cessar-fogo temporário com os Talibãs por ocasião da festa islâmica de Fitr, o feriado que marca o fim do mês sagrado do Ramadã. Os Talibãs seguiu a liderança do governo do Afeganistão e anunciou um cessar-fogo de três dias até o Eid AL-Fitr.

De acordo com Qassemi, a República Islâmica do Irã considera o movimento como um passo positivo em direção a acordos maiores que trariam paz e estabilidade permanentes para o Afeganistão.

Ele também expressou a disposição do Irã em ajudar e contribuir com qualquer medida liderada pelo governo afegão com o objetivo de promover a paz no país vizinho do Afeganistão.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas