Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Empresa chinesa faz peças para F-35? Revelação surge em meio a polêmicas envolvendo Huawei

Em meio à briga contínua entre os EUA e a gigante tecnológica chinesa Huawei, classificada como ameaça à segurança por Washington, verificou-se que uma subsidiária com sede no Reino Unido de uma companhia chinesa fabrica peças para os jatos americanos F-35.
Sputnik

Trata-se da companhia chinesa Exception PCB, com sede no condado britânico de Gloucestershire, que fabrica placas de circuitos que controlam os motores, iluminação, combustível e sistemas de navegação dos caças F-35 – o sistema de armas mais caro já feito.

De acordo com a emissora britânica Sky, citando materiais divulgados pelo Ministério da Defesa do Reino Unido, a empresa que fabrica componentes para os caças da Lockheed Martin foi comprada em 2013 pela companhia chinesa Shenzhen Fastprint, que inclusive já participou da fabricação de caças Eurofighter Typhoon e de helicópteros de ataque Apache.

"A Exception PCB, com sede em Gloucestershire, fabrica placas de circuito impresso que controlam muitas das principais capacid…

Iraque incorpora 39 tanques russos em seu exército

O Ministério da Defesa do Iraque informou que uma das brigadas blindadas do seu exército incorporou 39 tanques T-90S de fabricação russa.


Sputnik

Os primeiros tanques T-90S foram recebidos pelo Iraque em fevereiro de 2018. Planeja-se que no total a Rússia forneça 73 veículos.


Tanque ruso T-90 armado
T-90 russo © Sputnik / Dmitry Korobeinikov

Nota-se também que especialistas russos prepararam tanquistas iraquianos para uso correto dos veículos.

No ano passado, o jornal Izvestia escreveu que as autoridades russas e iraquianas assinaram contrato de venda de tanques russos T-90 ao Iraque.

No âmbito de contratos militares com o Iraque, cujo exército lutou contra o Daesh (organização terrorista proibida na Rússia), foram entregues helicópteros de combate Mi-28NE, sistemas de defesa antiaérea Pantsir-S1, helicópteros Mi-35, caças Su-25 e sistemas de lança-chamas pesados TOS-1.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas