Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Área militar do governo brasileiro demonstra desconforto com suspensão de investigação do caso Queiroz

Integrantes da área militar do governo demostraram desconforto com o pedido de suspensão da investigação para apurar movimentações financeiras de Fabricio Queiroz consideradas "atípicas" pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf).
Por Gerson Camarotti | G1

A avaliação de auxiliares do presidente Jair Bolsonaro é que essa decisão tomada pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), só faz prolongar o desgaste provocado pelo caso.

O ministro Luiz Fux atendeu pedido do deputado estadual e senador eleito Flavio Bolsonaro (PSL-RJ), de quem Queiroz foi assessor. O Coaf apontou movimentação de R$ 1,2 milhão em uma conta bancária de Queiroz durante um ano sem que houvesse esclarecimento.

Para esses auxiliares, foi uma surpresa a solicitação feita por Flávio Bolsonaro para suspender as investigações.

“Ainda não há uma explicação convincente. Enquanto isso não acontecer, o desgaste desse caso vai continuar. Já está demorando demais”, comentou ao blog um auxilia…

Irmão caçula do Pantsir russo: conheça o Terminator sérvio

Há muito tempo o exército sérvio está tentando criar seu próprio sistema autopropulsado de defesa antiaérea.


Sputnik

Devido a problemas financeiros e técnicos, primeiro o país tentou modernizar o sistema obsoleto herdado ainda da época checoslovaca, Praga M53/59 Jesterka. Militares tencionaram dotá-lo com mísseis aéreos R-60. Contudo, o veículo não chegou a ser operacional, servindo somente para testes. 

PASARS-16 Terminator | Reprodução

O sistema de defesa antiaérea PASARS-16 sérvio (Terminator), demonstrado pela primeira vez em outubro de 2016, parece mais promissor, assinalou a edição russa Rossiyskoe Oruzhie.

O veículo de combate se difere por sua alta transitabilidade. A potência do motor atinge 280 cavalos, uma vez que a transmissão do sistema é mecânico. O Terminator possui mecanismo de bombeamento dos pneus automático.

Vale destacar também a cabine blindada e a torre com armamento do veículo. Engenheiros sérvios deram muita atenção também à defesa antimina.

​O sistema é equipado com um canhão bem conhecido e amplamente utilizado em muitos países – Bofors L70 de 40 mm, capaz de realizar até 240 disparos por minuto.

Na qualidade de arma principal, engenheiros militares modificaram míssil soviético ar-ar R-13M, substituindo seu motor e aprimorando a ogiva guiada por infravermelho. Como resultado, o raio máximo do alcance do Terminador corresponde a 12 km, atingindo 8 km de altura.

O sistema sérvio é dotado de um sistema de controle de disparo passivo, que possui um canal termográfico, que consideravelmente aumenta a eficácia de combate contra meios aéreos. 

PASARS-16 Terminator | Reprodução

A edição destacou as características notáveis do PASARS-16, concluindo, porém, que o veículo sérvio ainda está longe do sistema russo de defesa antiaérea Pantsir-S1. Entretanto, por um preço razoável, o sistema sérvio pode encontrar compradores em vários países da Ásia e África, ressaltou Rossiyskoe Oruzhie.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas