Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Defesa russa: avião Il-20 foi derrubado por mísseis sírios S-200

De acordo com o ministério russo, o sistema de defesa aérea sírio tentava atacar um avião de Israel. No entanto, a tripulação israelense fez uma manobra especial para se proteger, e o míssil acabou atingindo acidentalmente o avião russo Il-20.
Sputnik

O avião Il-20 desapareceu dos radares em 17 de setembro, por volta das 23h do horário de Moscou, (17h em Brasília) durante o retorno planejado à base aérea de Hmeymim, acima do território do mar Mediterrâneo, a 35 quilômetros da costa da Síria, informou o comunicado do Ministério da Defesa da Rússia. O represente oficial da Defesa russa, Igor Konashenkov sublinhou que os aviões israelenses "propositalmente criaram uma situação perigosa para navios e aviões nessa região".

Na opinião dele, para evitar o ataque sírio, a tripulação israelense acabou tornando o Ilyushin-20 alvo de ataque.

"Ao tentarem proteger-se com ajuda do avião russo, os pilotos israelenses o puseram debaixo de fogo do sistema de defesa antiaérea da Síria"…

Irmão caçula do Pantsir russo: conheça o Terminator sérvio

Há muito tempo o exército sérvio está tentando criar seu próprio sistema autopropulsado de defesa antiaérea.


Sputnik

Devido a problemas financeiros e técnicos, primeiro o país tentou modernizar o sistema obsoleto herdado ainda da época checoslovaca, Praga M53/59 Jesterka. Militares tencionaram dotá-lo com mísseis aéreos R-60. Contudo, o veículo não chegou a ser operacional, servindo somente para testes. 

PASARS-16 Terminator | Reprodução

O sistema de defesa antiaérea PASARS-16 sérvio (Terminator), demonstrado pela primeira vez em outubro de 2016, parece mais promissor, assinalou a edição russa Rossiyskoe Oruzhie.

O veículo de combate se difere por sua alta transitabilidade. A potência do motor atinge 280 cavalos, uma vez que a transmissão do sistema é mecânico. O Terminator possui mecanismo de bombeamento dos pneus automático.

Vale destacar também a cabine blindada e a torre com armamento do veículo. Engenheiros sérvios deram muita atenção também à defesa antimina.

​O sistema é equipado com um canhão bem conhecido e amplamente utilizado em muitos países – Bofors L70 de 40 mm, capaz de realizar até 240 disparos por minuto.

Na qualidade de arma principal, engenheiros militares modificaram míssil soviético ar-ar R-13M, substituindo seu motor e aprimorando a ogiva guiada por infravermelho. Como resultado, o raio máximo do alcance do Terminador corresponde a 12 km, atingindo 8 km de altura.

O sistema sérvio é dotado de um sistema de controle de disparo passivo, que possui um canal termográfico, que consideravelmente aumenta a eficácia de combate contra meios aéreos. 

PASARS-16 Terminator | Reprodução

A edição destacou as características notáveis do PASARS-16, concluindo, porém, que o veículo sérvio ainda está longe do sistema russo de defesa antiaérea Pantsir-S1. Entretanto, por um preço razoável, o sistema sérvio pode encontrar compradores em vários países da Ásia e África, ressaltou Rossiyskoe Oruzhie.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas