Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Brasil comemora 20 anos do fim do conflito entre Peru e Equador

O Brasil irá comemorar nesta terça-feira os 20 anos do fim dos conflitos na fronteira entre Peru e Equador, que se prolongaram por quase 170 anos e que causaram várias guerras, tensões e enfrentamentos entre ambos os países.
EFE

Brasília - O Acordo Global e Definitivo de Paz entre Equador e Peru foi assinado em 26 de outubro de 1998 em Brasília, que voltará a ser palco de um encontro entre representantes dessas duas nações, mas agora para reafirmar "o valor e a eficácia da diplomacia e da solução pacífica de controvérsias", diz o comunicado do Ministério das Relações Exteriores.

A cerimônia contará com a participação do equatoriano José Ayala Lasso e do peruano Fernando de Trazegnies Granda, que eram os chanceleres de seus países na ocasião da assinatura e tiveram participação ativa nas negociações, e será presidido pelo ministro das Relações Exteriores Aloysio Nunes.

Segundo a nota oficial, a comemoração "também evidencia, uma vez mais, a capacidade regional de responder e…

Noruega tenciona aumentar presença militar dos EUA no seu território

As autoridades da Noruega tencionam prolongar o programa de cooperação militar com os EUA e dobrar o número de fuzileiros navais estadunidenses que se encontram no país nórdico, deslocando-os para perto da fronteira com a Rússia.


Sputnik

O Ministério da Defesa norueguês anunciou que pretende prolongar o programa de cooperação militar com os Estados Unidos por mais cinco anos. No início de 2017, no âmbito deste programa, 330 fuzileiros navais da Marinha norte-americana foram deslocados para o oeste do país.

Fuzileiros navais dos EUA na Noruega participam dos exercícios Cold Response
Fuzileiros navais dos EUA na Noruega | CC0 / Departamento de Defesa dos EUA

"Para intensificar diálogo com a parte estadunidense, planejamos acolher até 700 militares, que ficarão deslocados em Vernes, na província de Trondelag e em Setermoen, na província de Troms", diz o comunicado do ministério.

De acordo com o governo norueguês, os territórios do Norte são uma base excelente para realizar treinamentos conjuntos.

Entretanto, vale destacar que a província de Troms se localiza nas proximidades da fronteira com a Rússia.

"A defesa da Noruega depende do apoio de nossos parceiros da OTAN, como se verifica na maioria dos países da Aliança", declarou o ministro da Defesa do reino, Frank Bakke-Jensen.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas