Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

China convoca embaixador dos EUA após sanção por compra de jatos russos

O Ministério de Relações Exteriores da China convocou neste sábado o embaixador dos EUA em Pequim para protestar contra a decisão de Washington de sancionar uma agência militar chinesa e seu diretor após a compra de caças russos e de avançado sistema de mísseis terra-ar.
Reuters

O vice-ministro das Relações Exteriores chinês, Zheng Zeguang, convocou o embaixador Terry Branstad para apresentar “representações severas” e protestar contra as sanções, disse a pasta.

Mais cedo, o porta-voz do Ministério da Defesa chinês, Wu Qian, disse que a decisão da China de comprar caças e sistemas russos foi um ato normal de cooperação entre países soberanos, e que os Estados Unidos “não tinham o direito de interferir”.

Na quinta-feira, o Departamento de Estado dos EUA impôs sanções ao Departamento de Desenvolvimento de Equipamentos da China (EED, na sigla em inglês) depois que o órgão se envolveu em “transações significativas” com a Rosoboronexport, principal exportadora de armas da Rússia.

As sanções est…

Reveladas as vantagens dos helicópteros militares russos perante norte-americanos

Alguns analistas vietnamitas propõem comprar aeronaves americanas por falta de "alternativa no mundo". Entretanto, para especialista russo, essa declaração não tem nada a ver com a realidade.


Sputnik

A imprensa vietnamita está discutindo a necessidade de equipar o corpo de fuzileiros navais do Exército do Vietnã com seus próprios helicópteros multifuncionais. A edição Dat Viet sublinhou que ao contrário da maioria dos corpos de fuzileiros navais de outros países, o do Vietnã não tem sua própria aviação para transporte de pessoal, prejudicando, assim, sua prontidão para combater.

Helicóptero Ka-29
Kamov Ka-29 russo © Sputnik / Georgy Zimarev

Para o autor do artigo, a melhor opção é a compra de helicópteros americanos UH-1Y Venom, ou seja, a versão modernizada do UH-1H. Ele sublinha que esse helicóptero é a única alternativa no mundo, já que "os helicópteros russos Mi-8\17 não servem muito bem para alguns objetivos".

"Essas aeronaves são muito pesadas, sua manobrabilidade é medíocre e podem aterrissar somente em superfícies planas. Infelizmente, a Rússia, nosso parceiro tradicional, ainda não criou helicópteros que cumpram plenamente os requisitos acima citados", explicou ele.

A Sputnik Vietnã entrevistou o especialista russo em aviação Makar Aksenenko, um piloto com uma rica experiência de voo em diferentes aeronaves, e lhe pediu para expressar sua opinião.

"O autor do artigo da Dat Viet obviamente está fingindo sobre as capacidades militares do Mi-8MTV e Mi-17. Se ele não acredita na experiência de uso em conflitos militares por pilotos russos nas últimas três décadas, é possível lembrar a experiência dos norte-americanos, que escolheram justamente o Mi-17 para realização de tarefas militares no Afeganistão", explicou ele.

O especialista russo lembrou que, naquela época, o comandante da Força Aérea dos EUA no Afeganistão, respondendo a perguntas de congressistas, declarou: "Meus senhores, vão ao Afeganistão e perguntem aos meus rapazes em que [helicópteros] eles querem voar e lutar."

"Isso não seria confirmação de que os Mi-8\17 são os melhores helicópteros militares multifuncionais para zonas desertas, montanhosas e florestais?", indaga Aksenenko.

Quanto a veículos especializados para fuzileiros navais, já existem na Rússia há mais de 30 anos e estão no serviço da Marinha russa, entre eles estão o Ka-27 e Ka-29.

"O Ka-29 é semelhante ao Sеа Cobra dos EUA no que se refere à potência de combate, mas além disso pode ser usado para transporte", afirmou ele.

A Rússia também conta com os helicópteros modernizados Ka-60 (e sua versão civil Ka-62) que tem um grande potencial para exportação e perspectivas de uso em combate pelas Forças Armadas russas.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas