Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Área militar do governo brasileiro demonstra desconforto com suspensão de investigação do caso Queiroz

Integrantes da área militar do governo demostraram desconforto com o pedido de suspensão da investigação para apurar movimentações financeiras de Fabricio Queiroz consideradas "atípicas" pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf).
Por Gerson Camarotti | G1

A avaliação de auxiliares do presidente Jair Bolsonaro é que essa decisão tomada pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), só faz prolongar o desgaste provocado pelo caso.

O ministro Luiz Fux atendeu pedido do deputado estadual e senador eleito Flavio Bolsonaro (PSL-RJ), de quem Queiroz foi assessor. O Coaf apontou movimentação de R$ 1,2 milhão em uma conta bancária de Queiroz durante um ano sem que houvesse esclarecimento.

Para esses auxiliares, foi uma surpresa a solicitação feita por Flávio Bolsonaro para suspender as investigações.

“Ainda não há uma explicação convincente. Enquanto isso não acontecer, o desgaste desse caso vai continuar. Já está demorando demais”, comentou ao blog um auxilia…

Rússia combina avião e helicóptero em novo drone de reconhecimento

A empresa Aviatsionnye Sistemy (Sistemas de Aviação em russo) criou um novo sistema de reconhecimento não tripulado tático da classe 7001 que integra veículos aéreos não tripulados unificados do tipo avião e helicóptero, comunicou uma fonte da empresa para a Sputnik.


Sputnik

Os VANTs na versão de avião K-0106, são aparelhos de asa alta. Na parte do nariz está situado o motor que gira a hélice propulsora. O veículo, com peso máximo de decolagem de até 6,5 quilos, pode ficar no ar até 1,5 horas.

Um drone russo (foto de arquivo)
Um drone russo © Sputnik / Aleksei Danichev

Já o aparelho de tipo helicóptero, K-0107, foi construído conforme um esquema de multirotor (quadricóptero), as quatro hélices estão instaladas em braços radiais retráteis. O veículo, com peso máximo de decolagem de até 5,1 quilos, pode voar por períodos de até uma hora.

Ambos os veículos têm a bordo sistemas de comunicação produzidos pela mesma empresa que permitem manter o controle dos VANTs a distâncias de até 15 quilômetros.

Além dos dois veículos, o sistema também consiste de um posto de comando terrestre móvel, um posto de antena extensível, ferramentas e peças de reserva, bem como meios de deslocação.

O especialista russo na área de VANTs, Denis Fedutinov, a empresa optou por um conceito incomum reunindo veículos de tipos diferentes em um sistema só.

"Esta decisão pode ter vantagens e desvantagens. Os fatores positivos consistem na ampliação das capacidades do sistema por ele incluir diferentes tipos de veículos, assim como a redução do preço, se compararmos com o uso de dois sistemas separados, por causa da unificação dos componentes. Ao mesmo tempo, também podem surgir dificuldades, inclusive relacionadas com maiores requisitos em relação ao treinamento dos operadores", resumiu.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas