Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Super Tucano em teste pela Força Aérea dos EUA sofre acidente

Queda sem causa ainda definida é má notícia para a fabricante brasileira, que disputa concorrência com americanos
Igor Gielow | Folha de S.Paulo

Um turboélice A-29 Super Tucano, fabricado pela Embraer, caiu durante um exercício de ataque leve conduzido pela Força Aérea dos EUA em um campo de provas do Novo México, na sexta (22).

Dois tripulantes conseguiram se ejetar. Segundo comunicado da base de Holloman, um dele se feriu levemente e foi medicado, enquanto não há detalhes do estado do segundo. A causa do acidente não foi divulgada.

O avião participa da fase final da competição para fornecimento de aviões leves para missões de ataque a solo e reconhecimento. Inicialmente, os EUA querem adquirir 15 unidades, para depois expandir a até 120. Elas servirão para substituir o famoso A-10 Warthog (Javali, em inglês), um modelos subsônico a jato fortemente armado e blindado que opera desde 1977.

Os americanos estão procurando opções mais econômicas para a missão. Enquanto um A-10 tem sua hora-voo…

S-400 russos diminuem dependência externa de Ancara, diz ministro turco

A aquisição de sistemas russos de defesa antiaérea S-400 é de interesse da nação turca, desde que isso minimize a dependência externa do país, declarou o ministro do Interior turco, Suleyman Soylu, na sexta-feira (8).


Sputnik

"A compra dos sistemas antimísseis S-400 é interessante para a nação turca, o que não tem nada a ver com política […] Os sistemas russos de defesa antiaérea diminuem a dependência externa da Turquia", afirmou Soylu, citado pela agência de notícias Anadolu.

Sistemas russos de defesa antiaérea S-400
S-400 Triumph russo © Sputnik / Sergey Malgavko

O ministro do Interior notou que a Turquia seria incapaz de repelir ataque de míssil sobre o país, e os sistemas antimísseis russos entrariam para reforçar os sistemas de defesa antiaérea do país. Soylu adicionou que países com avançados sistemas de defesa querem desarmar as capacidades militares turcas.

Em dezembro, Rússia e Turquia assinaram um contrato de fornecimento dos sistemas de defesa antiaérea S-400 para Ancara. O acordo desencadeou divergências entre Ancara e Washington, com o último ameaçando impor sanções contra a Turquia, já que os Estados Unidos acreditam que o armamento seja incompatível com as defesas da OTAN.

No final de abril, o ministro turco das Relações Exteriores, Mevlut Cavusoglu, afirmou que a Turquia também estava considerando comprar sistema norte-americano de defesa antiaérea Patriot, ou qualquer outro sistema de defesa antiaérea, se recebessem uma oferta justa de seus aliados da OTAN.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas