Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

EUA: sanções contra Venezuela servem como 'alerta para atores externos, incluindo Rússia'

Na última terça-feira (17), o secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, culpou a Rússia e a Venezuela pela crise de refugiados observada no país latino-americano.
Sputnik

O conselheiro de Segurança Nacional dos EUA, John Bolton, anunciou nesta quarta-feira (17) que os EUA estão impondo uma nova rodada de sanções contra a Venezuela, acrescentando o banco central do país à lista de restrições. 

Segundo o conselheiro de Segurança Nacional, as sanções recém-aplicadas deveriam se tornar um alerta para "todos os atores externos, inclusive a Rússia".

Desde o início da crise política na Venezuela no início deste ano, os EUA impuseram várias rodadas de sanções, visando os setores petrolífero e bancário do país, bem como indivíduos ligados às autoridades do país.

A Venezuela está sofrendo grave crise política desde janeiro. Junto com outros países ocidentais, os EUA apoiam Juan Guaidó, que se proclamou presidente interino da Venezuela. Ao mesmo tempo, Rússia, China e Turquia, entre outros…

Bombardeios israelenses deixam novas vítimas em Gaza

As Forças de Defesa de Israel (IDF) anunciaram nesta quarta-feira que voltaram a bombardear posições do grupo Hamas na Faixa de Gaza, em resposta a ataques contra seus soldados na zona de fronteira.


Sputnik

"Em resposta ao ataque a tiros contra soldados da IDF no sul da Faixa de Gaza, a artilharia da IDF atacou sete postos militares do Hamas em Gaza."

Sirenes soaram no Conselho Regional de Hof Ashkelon | Reprodução Twitter

De acordo com uma fonte do Ministério da Saúde de Gaza, ao menos dois cidadãos palestinos foram mortos nesses bombardeios, enquanto outro teria ficado gravemente ferido.

As novas tensões ocorrem dias depois de as duas partes em conflito terem concordado com um cessar-fogo para evitar uma escalada ainda maior da violência na região.

Na última sexta-feira, um atirador palestino matou um soldado israelense perto da fronteira, desencadeando uma reação desproporcional por parte de Tel Aviv, que lançou uma grande ofensiva contra Gaza, alegando estar visando a posições do Hamas.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas