Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Vídeo mostra momento do encontro do submarino argentino Ara San Juan

Profissionais que operavam um dos veículos submarinos foram os primeiros a ver em tela as imagens da embarcação, que estava desaparecida desde 15 de novembro do ano passado. Submarino foi localizado a 907 metros de profundidade.
Por G1

Um vídeo divulgado neste domingo (18) mostra as primeiras imagens do submarino Ara San Juan, no momento em que profissionais da empresa Ocean Infinity o localizaram. O encontro foi anunciado pela Marinha da Argentina na madrugada de sábado.


No vídeo é possível ver quando a equipe que opera um dos veículos que fazia as buscas vê a embarcação pela primeira vez em uma região de cânions (espécie de rios submarinos), a 907 metros de profundidade, e a 600 km da cidade de Comodoro Rivadavia.

O Ara San Juan desapareceu em 15 de novembro de 2017, com 44 pessoas a bordo, e sofreu uma "implosão" no fundo das águas do Oceano Atlântico.

Segundo Enrique Balbi, porta-voz da Marinha, a proa, a popa e a vela se desprenderam do submarino e estão localizadas em uma á…

Forças sírias derrubam avião israelense

Os sistemas de defesa aérea da Síria atingiram um avião da Força Aérea de Israel que realizava ataques contra a base aérea de T-4 na província de Homs.


Sputnik

Anteriormente, a agência de notícias síra SANA informou sobre o ataque israelense à base T-4, durante o qual a defesa aérea síria teria derrubado vários mísseis para repelir o ataque.

Resultado de imagem para f-15 israel
F-15 israelense | Reprodução

"Sistemas de defesa aérea repeliram a agressão israelense, derrubando vários mísseis e atingindo um dos aviões de ataque, forçando os outros a deixarem o espaço aéreo", informou a agência.

Não foi o primeiro ataque à base síria. Na noite de 9 de abril, aeronaves israelenses atacaram a base aérea síria de Tifor, localizada na província síria de Homs. Segundo o Ministério da Defesa da Rússia, dois caças F-15 dispararam oito mísseis, três dos quais atingiram o alvo e cinco foram abatidos. Os conselheiros russos não sofreram durante o ataque. A agência oficial da Síria SANA informou que, como resultado do bombardeio, várias pessoas foram mortas e feridas.

Em resposta ao ataque à base T-4 no início de maio, vários mísseis foram disparados contra posições de Israel nas colinas de Golã. Em 10 de maio, aeronaves israelenses atacaram dezenas de alvos na Síria. Os militares explicaram que foi uma resposta ao foguete do Irã nas colinas de Golã.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas