Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Por meio do Egito, Hamas pede a Israel que cesse fogo na Faixa de Gaza

O movimento Hamas pediu a Israel que cesse fogo por meio da mediação egípcia e prometeu interromper os confrontos na fronteira como parte do acordo, disse uma fonte política israelense à Sputnik.
Sputnik

"O Hamas teve um grande golpe ontem e o movimento pediu um cessar-fogo através do Egito, prometendo interromper o 'terror incendiário e nas cercas fronteiriças'", disse a fonte.

Segundo a mesma pessoa, Israel considera o Egito como fiador da implementação do cessar-fogo.

"Os egípcios são os garantidores nesta questão, mas em qualquer caso, o desenvolvimento da situação dependerá de ações reais. Se o Hamas violar o cessar-fogo, pagará um preço ainda maior", acrescentou a fonte.

Esses arranjos foram alcançados após bombardeios maciços das instalações do Hamas no enclave, que se seguiram ao assassinato de um soldado israelense na sexta-feira.

Este foi o segundo cessar-fogo entre Israel e o Hamas, coordenado pelo Egito nas últimas duas semanas. No último sábado, a Fo…

Forças sírias derrubam avião israelense

Os sistemas de defesa aérea da Síria atingiram um avião da Força Aérea de Israel que realizava ataques contra a base aérea de T-4 na província de Homs.


Sputnik

Anteriormente, a agência de notícias síra SANA informou sobre o ataque israelense à base T-4, durante o qual a defesa aérea síria teria derrubado vários mísseis para repelir o ataque.

Resultado de imagem para f-15 israel
F-15 israelense | Reprodução

"Sistemas de defesa aérea repeliram a agressão israelense, derrubando vários mísseis e atingindo um dos aviões de ataque, forçando os outros a deixarem o espaço aéreo", informou a agência.

Não foi o primeiro ataque à base síria. Na noite de 9 de abril, aeronaves israelenses atacaram a base aérea síria de Tifor, localizada na província síria de Homs. Segundo o Ministério da Defesa da Rússia, dois caças F-15 dispararam oito mísseis, três dos quais atingiram o alvo e cinco foram abatidos. Os conselheiros russos não sofreram durante o ataque. A agência oficial da Síria SANA informou que, como resultado do bombardeio, várias pessoas foram mortas e feridas.

Em resposta ao ataque à base T-4 no início de maio, vários mísseis foram disparados contra posições de Israel nas colinas de Golã. Em 10 de maio, aeronaves israelenses atacaram dezenas de alvos na Síria. Os militares explicaram que foi uma resposta ao foguete do Irã nas colinas de Golã.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas