Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Águas 'quentes' da Síria: fragata russa persegue submarino nuclear dos EUA

Durante sua última missão no mar Mediterrâneo em abril passado, a fragata Admiral Essen da Marinha russa conseguiu detectar e perseguir um submarino nuclear dos EUA perto da costa síria. Essa informação foi só agora tornada pública.
Sputnik

A fragata Admiral Essen, pertencente à Frota do Mar Negro, perseguiu o submarino estadunidense da classe Ohio durante mais de duas horas, comunica o jornal russo Izvestiya, citando o Estado-Maior da Marinha russa.

A tripulação do navio russo registrou os parâmetros principais do submarino para, em seguida, os adicionar ao retrato acústico do submersível.

A fragata havia partido para o mar Mediterrâneo em março e regressou à base de Sevastopol no fim de junho. Encontrava-se na zona costeira síria quando os EUA, o Reino Unido e a França atacaram a Síria com mísseis.

Além disso, no decurso da missão, a sua tripulação realizou uma série de manobras táticas. Em particular, treinou ataques contra alvos marítimos e aéreos, combate em grupo e isolado, bem como…

'Homens santos hipócritas', diz Mike Pompeo sobre líderes do Irã

O secretário de Estado dos Estados Unidos, Mike Pompeo, chamou os líderes religiosos do Irã de "homens santos hipócritas", além de acusá-los de corrupção ao afirma que eles acumulam vastas somas de riqueza enquanto permitem que seu povo sofra.


Sputnik

As críticas de Pompeo vêm próximas do 40º aniversário da revolução islâmica no país, enquanto os EUA se preparam para reimpor sanções econômicas.

CIA Director Mike Pompeo speaks at a Senate Select Committee on Intelligence hearing on worldwide threats, Tuesday, Feb. 13, 2018, in Washington.
Mike Pompeo © AP Photo / Andrew Harnik

Em declarações preparadas para um discurso neste domingo (22) na Biblioteca e Museu Presidencial Ronald Reagan, Pompeo disse que os EUA não vão calar sobre o que ele entende como abusos do governo iraniano.

Pompeo criticou os líderes políticos, judiciais e militares do Irã, e disse que o governo "reprimiu sem piedade os direitos humanos, a dignidade e as liberdades fundamentais de seu próprio povo".

O secretário de Estado também afirmou que irá se aproximar dos importadores de petróleo para que diminuam as importações para o mais próximo de zero.

Sem tirar o pé do acelerador ele ainda afirmou que o país é governado por "algo que parece mais uma máfia do que um governo" e que o presidente Hassan Rouhani e seu Ministro de Relações Exteriores, Mohammad Javad Zarif não passam de marionetes dos aiatolás.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas