Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Defesa do Brasil tem maior gasto com pessoal na década, e investimento militar cai

Despesas com ativos e inativos crescem R$ 7,1 bi em 2019, reflexo de aumento salarial
Por Igor Gielow e Gustavo Patu | Folha de S.Paulo

A previsão de gasto militar para o primeiro ano de governo do capitão reformado do Exército Jair Bolsonaro (PSL) traz o maior aumento de despesa com pessoal em dez anos e uma redução expressiva do investimento em programas de reequipamento das Forças Armadas.
Não fosse uma criatividade contábil dos militares, que conseguiram recursos com a capitalização de uma estatal para comprar novos navios, a despesa de investimento seria a menor desde 2009.

A Folha analisou a série histórica com a ferramenta de acompanhamento orçamentário Siga Brasil, do Senado. Para este ano, o Ministério da Defesa, ainda na gestão Michel Temer (MDB), planejou gastar R$ 104,2 bilhões, o quarto maior volume da Esplanada.

Desse montante, R$ 81,1 bilhões irão para pessoal, R$ 13,3 bilhões, para gastos correntes (custeio) e R$ 9,8 bilhões, para investimentos. Os valores não incluem o con…

Irã, Rússia e Turquia discutem declaração final de Sochi

Representantes do Irã, Turquia e Rússia revisaram o rascunho final da 10ª rodada da reunião de Sochi sobre as negociações de paz na Síria.


Pars Today

A reunião de Sochi foi realizada segunda-feira com a participação de Hossein Jaberi Ansari, assistente sênior do ministro das Relações Exteriores do Irã, vice-ministro das Relações Exteriores da Turquia Sedat Onal e enviado especial do presidente russo para a Síria, Alexander Lavrentiev.

Irã, Rússia e Turquia discutem declaração final de Sochi

Jaberi Ansari discutiu os últimos desenvolvimentos em Damasco com o enviado especial da ONU para a Síria Staffan de Mistura.

Mais cedo, a alta autoridade do Irã também se reuniu com o enviado especial do presidente russo para a Síria, Alexander Lavrentiev, eo vice-ministro das Relações Exteriores, Sergey Vershinin.

Durante suas conversas bilaterais, Ansari discutiu os últimos desenvolvimentos na Síria no comitê de constituição, refugiados retornando, troca de prisioneiros e também o rascunho final da declaração da reunião.

A nona rodada de conversações de paz na Síria, que contou com a participação de representantes do Irã, Rússia e Turquia, e do enviado especial do chefe da ONU à Síria, foi realizada em Astana, em maio.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas