Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Embraer e Boeing acertam termos de parceria

Acordo prevê criação de uma nova empresa de aviação comercial, com 80% de participação da gigante americana. Boeing vai pagar 4,2 bilhões de dólares aos brasileiros. Transação precisa ser aprovada pelo governo federal.
Deutsch Welle

A Embraer e a gigante americana Boeing anunciaram nesta segunda-feira (17/12) a aprovação dos termos de uma parceria para criar uma nova empresa de aviação comercial. A execução do acerto ainda precisa do aval do governo brasileiro.


De acordo com a proposta, a Boeing deterá 80% de participação na joint venture pelo valor de 4,2 bilhões de dólares, enquanto a fabricante brasileira ficará com os 20% restantes.

"A expectativa é de que a parceria não terá impacto no lucro por ação da Boeing em 2020, passando a ter impacto positivo nos anos seguintes", diz um comunicado conjunto da Embraer e da Boeing divulgado para investidores.

As duas empresas informaram que a joint venture criada para a fabricação de aviões comerciais, que deve absorver toda a operação…

Mísseis disparados da Síria caem no mar da Galileia, em Israel

Dois mísseis provenientes da Síria caíram nesta quarta-feira no mar da Galileia, no norte de Israel, sem deixar mortos ou feridos, segundo informou a mídia local.


Sputnik

"Dois mísseis lançados da Síria caíram no mar da Galileia. Foliões do verão que estavam aproveitando a água viram dois projéteis caindo do céu", disse a jornalista Noga Tarnopolsky, acrescentando que as unidades de artilharia das Forças de Defesa de Israel (IDF) responderam com um ataque a posições do Exército Sírio na zona de fronteira.

Vista aérea mostra o estuário do rio Jordão, no mar da Galileia, próximo ao assentamento comunitário de Karkom, norte de Israel (Arquivo)
Estuário do rio Jordão, no mar da Galiléia © AP Photo / Oded Balilty

Os mísseis teriam partido da parte sul das colinas de Golã, onde as forças leais ao presidente sírio, Bashar Assad, já recuperaram quase a totalidade das aldeias que se encontravam sob controle de grupos rebeldes armados.

De acordo com militares israelenses, o sistema de defesa antiaérea foi ativado logo após a identificação dos projéteis, mas não chegou a disparar mísseis interceptores.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas