Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Exército sírio bombardeia terroristas restantes no sul do país (VIDEO)

O exército sírio retomou os ataques de artilharia maciços contra os terroristas restantes na região de Tulul al Safa no deserto de As-Suwayda, no sul do país, depois de eles terem violado a trégua, segundo uma fonte do Exército.
Sputnik

De acordo com uma fonte que falou com a Sputnik Árabe, na terça-feira (16), o Exército sírio e os terroristas que ocupam as colinas de Tulul al Safa firmaram um acordo de cessar-fogo, segundo o qual os combatentes da Frente al-Nusra (organização terrorista proibida na Rússia e em vários outros países) se comprometeram a entregar as armas depois de serem cercados e sem saída.


Contudo, na manhã da quarta-feira (17) os terroristas atacaram as unidades do Exército sírio. Por sua vez, os soldados repeliram o ataque com êxito e contra-atacaram. Como resultado, dezenas de militantes foram mortos ou feridos. O Exército resolveu retomar os ataques maciços com peças de artilharia apoiadas do ar, tendo como objetivo eliminar as forças terroristas restantes até a épo…

Míssil balístico iemenita libera acampamento da Guarda Nacional Saudita

Forças do Exército iemenita, apoiadas por combatentes aliados do movimento Houthi Ansarullah e por comitês populares, lançaram um míssil balístico de projeto nacional e desenvolvido em um campo militar na região de Najran, na fronteira sul da Arábia Saudita, em retaliação para a campanha do regime de Riad contra o país empobrecido.


Pars Today

A agência de notícias oficial do Iêmen Saba, citando uma autoridade militar anônima, disse que o míssil de curto alcance foi lançado no campo da Guarda Nacional Saudita no sábado, acrescentando que o projétil atingiu seu alvo com grande precisão.

Míssil balístico iemenita libera acampamento da Guarda Nacional Saudita

Não houve relatos imediatos de possíveis vítimas ou a extensão dos danos.

Enquanto isso, a chamada coalizão militar liderada pela Arábia Saudita contra o Iêmen afirmou em um comunicado, transmitido pela Agência de Imprensa Saudita oficial do reino (SPA), que a coalizão havia interceptado o míssil iemenita, que havia sido disparado da província de Sa norte.

Riad freqüentemente relata mísseis interceptados disparados do Iêmen, mas vários relatórios apontam que os interceptadores Patriots feitos nos EUA frequentemente falham.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas