Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Por meio do Egito, Hamas pede a Israel que cesse fogo na Faixa de Gaza

O movimento Hamas pediu a Israel que cesse fogo por meio da mediação egípcia e prometeu interromper os confrontos na fronteira como parte do acordo, disse uma fonte política israelense à Sputnik.
Sputnik

"O Hamas teve um grande golpe ontem e o movimento pediu um cessar-fogo através do Egito, prometendo interromper o 'terror incendiário e nas cercas fronteiriças'", disse a fonte.

Segundo a mesma pessoa, Israel considera o Egito como fiador da implementação do cessar-fogo.

"Os egípcios são os garantidores nesta questão, mas em qualquer caso, o desenvolvimento da situação dependerá de ações reais. Se o Hamas violar o cessar-fogo, pagará um preço ainda maior", acrescentou a fonte.

Esses arranjos foram alcançados após bombardeios maciços das instalações do Hamas no enclave, que se seguiram ao assassinato de um soldado israelense na sexta-feira.

Este foi o segundo cessar-fogo entre Israel e o Hamas, coordenado pelo Egito nas últimas duas semanas. No último sábado, a Fo…

OTAN em plena expansão: mais um país está prestes a entrar na Aliança

A Geórgia se unirá à OTAN, afirmou o secretário-geral da Aliança, Jens Stoltenberg, em comunicado à imprensa no site da Aliança.


Sputnik

"Você é um dos nossos principais parceiros e um amigo em quem podemos confiar […] A Geórgia vai se tornar membro da OTAN, os líderes dos países-membros confirmaram isso", afirmou Stoltenberg.

Soldados georgianos durante a cerimônia de inauguração do Centro Conjunto de Treinamento e Avaliação da OTAN, Tbilisi, Geórgia, agosto de 2015
Militares georgianos © AP Photo / VANO SHLAMOV

Segundo o secretário-geral, a Aliança está impressionada com o progresso que Tbilisi atingiu através das reformas e pede ao país que continue seguindo com o mesmo espírito. Ele também frisou a contribuição da Geórgia na solução da situação no Afeganistão, garantindo a segurança na região do mar Negro e apoiando a integridade territorial dentro das fronteiras dos países reconhecidos pela comunidade internacional, citando as regiões da Abkházia e Ossétia do Sul.

Em maio, o primeiro-ministro georgiano, Giorgi Kvirikashvili, declarou que o país se unirá à OTAN até 2021.

Antes disso, o presidente da Geórgia, Giorgi Margvelashvili, disse que cumpriu todos os requisitos de seu "dever de casa", inclusive a realização das reformas necessárias e cumpriu várias exigências que a OTAN apresentou para se juntar à organização.

O Ministério das Relações Exteriores da Rússia acredita que o aprofundamento da cooperação entre a Geórgia e a OTAN é uma ameaça à segurança da Transcaucásia.

Em 11 de julho, a OTAN convidou a Macedônia para negociar a adesão. O país se tornará o 30º membro depois de realizar um referendo sobre a mudança de seu nome.

A reunião de cúpula da OTAN será realizada em Bruxelas de 11 a 12 de julho.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas