Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

EUA e Rússia revivem a Guerra Fria no Oriente Médio com duas cúpulas

Reuniões paralelas, na Polônia e na Rússia, representaram a revitalização do rompimento entre as potências sobre o Irã, a guerra na Síria e o conflito entre Israel e a Palestina
Juan Carlos Sanz e María R. Sahuquillo | El País
Sochi / Jerusalém - Em 1991, a Conferência de Madri estabeleceu um modelo para o diálogo multilateral no Oriente Médio após o fim da Guerra Fria, que havia colocado Washington contra Moscou na disputa pela hegemonia em uma região estratégica. Transcorridos mais de 27 anos, dois conclaves paralelos representaram nesta quinta-feira em Varsóvia (Polônia) e Sochi (Rússia) a revitalização do rompimento entre as potências sobre o Irã, a guerra na Síria e o conflito israelo-palestino. Os Estados Unidos e a Rússia, copresidentes em Madri em 1991, já não atuam mais como mediadores para aliviar as tensões e, mais uma vez, assumem um lado entre as partes conflitantes.

No fórum da capital polonesa, a diplomacia dos EUA chegou a um impasse ao reunir mais de 60 países em uma reu…

Rússia escolhe protótipo para seu caça de 6ª geração

O novíssimo drone de combate russo Okhotnik (Caçador, em russo) será o protótipo do caça de sexta geração, comunicou a edição Russkoe Oruzhie, reproduzindo o comentário de uma fonte na indústria militar russa.


Sputnik

De acordo com a Russkoe Oruzhie, as características do caça do futuro ainda não foram definidas completamente, contudo, no momento se pode destacar suas principais particularidades, ou seja, a ausência do piloto e a capacidade de cumprir missões de combate em modo autônomo.

Reprodução

"Nessa parte, inteligência artificial e autonomia, o Okhotnik será o protótipo", explicou.

A fonte detalhou que o Okhotnik poderia decolar, cumprir tarefas e aterrissar na base de forma autônoma. Contudo, o aparelho não terá a função de tomada de decisões, isso cabe à responsabilidade humana, ressaltou.

Anteriormente, surgiram informações de que os testes de voo do Okhotnik se iniciarão em 2018. Em junho de 2018, ocorreu a primeira rolagem do drone. Por enquanto, quase não há informações oficiais sobre o aparelho, contudo, sabe-se que o escritório de projetos P.O. Sukhoi está criando, no âmbito de um projeto com o Ministério da Defesa russo, o drone de combate pesado Okhotnik, com a peso à decolagem de 20 toneladas.

O drone foi criado pelo esquema de "asa voadora" com a utilização máxima de tecnologias furtivas. Estima-se que o aparelho possa atingir velocidades de até mil quilômetros por hora devido a seu motor a reação.

No momento, no mundo não há caças de sexta geração. Entre os caças de quinta geração existem três aviões adotados em serviço: F-22 Raptor (2005) e F-35A/B (2015) norte-americanos e o J-20 (2017) chinês. O F-35C norte-americano, Su-57 russo, J-31 chinês e X-2 japonês estão agora no estágio de testes de voo.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas