Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Defesa do Brasil tem maior gasto com pessoal na década, e investimento militar cai

Despesas com ativos e inativos crescem R$ 7,1 bi em 2019, reflexo de aumento salarial
Por Igor Gielow e Gustavo Patu | Folha de S.Paulo

A previsão de gasto militar para o primeiro ano de governo do capitão reformado do Exército Jair Bolsonaro (PSL) traz o maior aumento de despesa com pessoal em dez anos e uma redução expressiva do investimento em programas de reequipamento das Forças Armadas.
Não fosse uma criatividade contábil dos militares, que conseguiram recursos com a capitalização de uma estatal para comprar novos navios, a despesa de investimento seria a menor desde 2009.

A Folha analisou a série histórica com a ferramenta de acompanhamento orçamentário Siga Brasil, do Senado. Para este ano, o Ministério da Defesa, ainda na gestão Michel Temer (MDB), planejou gastar R$ 104,2 bilhões, o quarto maior volume da Esplanada.

Desse montante, R$ 81,1 bilhões irão para pessoal, R$ 13,3 bilhões, para gastos correntes (custeio) e R$ 9,8 bilhões, para investimentos. Os valores não incluem o con…

Saab divulga avanços do Gripen no Farnborough Airshow

No Farnborough International Airshow de 2018, a Saab falou sobre como o progresso que está sendo feito nas aeronaves de teste do Gripen E está aproveitando a flexibilidade inigualável do design da aeronave.


Poder Aéreo

O chefe de área de negócios Aeronautics da Saab, Jonas Hjelm, explicou como as duas próximas aeronaves Gripen E para o programa de ensaios em voo estão se beneficiando das principais decisões tomadas em relação ao design.

Simulador do Gripen E com WAD no Farnborough Airshow
Simulador do Gripen E com WAD no Farnborough Airshow

“As ameaças de hoje não são iguais às ameaças de amanhã, e os caças modernos poderiam ser vistos como uma rede de supercomputadores voadores que buscam superar o desempenho de seus oponentes. Por isso, projetamos a arquitetura inteligente do Gripen para garantir que possamos incluir os mais recentes e avançados computadores e outros hardwares com rapidez e simplicidade, algo incomparável nessa indústria. Temos a dupla vantagem de o Gripen ser tanto a aeronave mais nova quanto a mais capaz de evoluir de forma simples à medida que o poder de processamento avança. O piloto que estiver no comando do Gripen E terá, portanto, uma vantagem inegável”, explica Hjelm.

As duas aeronaves (conhecidas como 39-9 e 39-10) se beneficiaram com computadores novos e atualizados que foram rapidamente adicionados a elas, melhorando ainda mais a capacidade da primeira aeronave, 39-8. Um fator sensível era que isso pudesse ser feito sem afetar os sistemas críticos de voo e, portanto, ser concluído em dias e semanas, não em meses e anos, como é comum nos caças. Isso significa que o Gripen E poderá estar na vanguarda do combate aéreo por décadas, à medida que novos recursos ou tecnologias exijam cada vez mais poder de processamento.

Jonas Hjelm também revelou que durante o mês de julho, o Gripen E realizou seu primeiro voo equipado com um míssil ar-ar IRIS-T em cada ponta da asa, além de quatro pilones sob as asas e o pilone central na fuselagem.

O voo incluiu várias manobras de ensaio em velocidade supersônica. Ele aconteceu sobre o Mar Báltico e abre caminho para futuros testes envolvendo transporte e lançamento de mísseis, tanques externos (drop tanks) e outras cargas externas.

O Gripen E é um programa global e tem tido progressos com o design do Gripen F, a versão de dois assentos do caça. Ele está sendo projetado no Brasil, em parceria com a Embraer, e pode ser usado para treinamento, treinamento de prontidão para o combate, missões de combate e Guerra Eletrônica, configuração de Comandante de Missão e Oficial do Sistema de Armas no assento traseiro.

Outros destaques foram as novas entregas em torno do hardware principal, como o Wide Area Display (WAD), que está sendo desenvolvido pela empresa brasileira AEL. O Gripen E está sendo desenvolvido para a Força Aérea Sueca, e a Força Aérea Brasileira receberá tanto o Gripen E quanto o F.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas