Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Águas 'quentes' da Síria: fragata russa persegue submarino nuclear dos EUA

Durante sua última missão no mar Mediterrâneo em abril passado, a fragata Admiral Essen da Marinha russa conseguiu detectar e perseguir um submarino nuclear dos EUA perto da costa síria. Essa informação foi só agora tornada pública.
Sputnik

A fragata Admiral Essen, pertencente à Frota do Mar Negro, perseguiu o submarino estadunidense da classe Ohio durante mais de duas horas, comunica o jornal russo Izvestiya, citando o Estado-Maior da Marinha russa.

A tripulação do navio russo registrou os parâmetros principais do submarino para, em seguida, os adicionar ao retrato acústico do submersível.

A fragata havia partido para o mar Mediterrâneo em março e regressou à base de Sevastopol no fim de junho. Encontrava-se na zona costeira síria quando os EUA, o Reino Unido e a França atacaram a Síria com mísseis.

Além disso, no decurso da missão, a sua tripulação realizou uma série de manobras táticas. Em particular, treinou ataques contra alvos marítimos e aéreos, combate em grupo e isolado, bem como…

Apenas quatro Sukhois Su-30MKM da Malásia estão em condições de voo

Somente quatro dos 18 caças russos Sukhoi Su-30MKM de propriedade da Royal Malaysian Air Force (RMAF) são capazes de voar, disse o ministro da Defesa Mohamad Sabu.


Reuters
KUALA LUMPUR - O ministro disse que a RMAF tinha 18 caças Sukhoi Su-30MKM e dez caças MiG-29, fabricados na Rússia.

Su-30MKM da Malásia
Su-30MKM da Malásia

“Apenas quatro dos Sukhois são capazes de voar bem”, disse ele, acrescentando que os 14 restantes estão em reparo.

Em sua resposta durante a moção de agradecimento sobre o discurso real no Parlamento na terça-feira (31 de julho), Mohamed Sabu disse que a RMAF não conseguiu manter adequadamente a aeronavegabilidade dos caças a jato.

Ele disse que o Ministério da Defesa havia rescindido o contrato com a empresa escolhida pelo governo anterior e estava procurando substituí-la por empresas locais.

Mohamad Sabu também informou à Câmara que os dez jatos multi-função MiG-29 entraram em operação em 1995, enquanto seis caças Sukhoi Su-30MKM de superioridade aérea foram entregues em 2007 e o restante em 2009.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas