Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

EUA e Rússia revivem a Guerra Fria no Oriente Médio com duas cúpulas

Reuniões paralelas, na Polônia e na Rússia, representaram a revitalização do rompimento entre as potências sobre o Irã, a guerra na Síria e o conflito entre Israel e a Palestina
Juan Carlos Sanz e María R. Sahuquillo | El País
Sochi / Jerusalém - Em 1991, a Conferência de Madri estabeleceu um modelo para o diálogo multilateral no Oriente Médio após o fim da Guerra Fria, que havia colocado Washington contra Moscou na disputa pela hegemonia em uma região estratégica. Transcorridos mais de 27 anos, dois conclaves paralelos representaram nesta quinta-feira em Varsóvia (Polônia) e Sochi (Rússia) a revitalização do rompimento entre as potências sobre o Irã, a guerra na Síria e o conflito israelo-palestino. Os Estados Unidos e a Rússia, copresidentes em Madri em 1991, já não atuam mais como mediadores para aliviar as tensões e, mais uma vez, assumem um lado entre as partes conflitantes.

No fórum da capital polonesa, a diplomacia dos EUA chegou a um impasse ao reunir mais de 60 países em uma reu…

Mais de um milhão de sírios regressam aos seus lugares de origem

Mais de 1.500 milhão de sírios regressaram aos seus lugares de origem desde setembro de 2015 até o momento, segundo informações do Centro russo de Acolhimento para Deslocados, divulgadas hoje em Damasco.


Prensa Latina
Damasco - As cifras incluem os procedentes do Líbano e em menor medida da Jordânia, nações em que haviam se refugiado cerca de 1.700 milhão de pessoas desde a eclosão da guerra imposta à Síria a partir de 2012.


Os meios de comunicação refletem também o retorno em massa de milhares de deslocados internamente neste país do Levante em regiões das províncias de Alepo, Hama, Homs, arredores de Damasco, Quneitra e Daraá.

Nos momentos mais críticos da crise síria teve mais de três milhões de pessoas no exterior e aproximadamente seis milhões de deslocados internamente, de acordo com dados computados oficialmente.

Os informes precisaram que tais fatos ocorrem na medida que o Exército sírio, respaldado por meios aéreos russos e outras forças aliadas, desalojam os grupos terroristas das áreas ocupadas desde a data mencionada.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas