Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Empresa chinesa faz peças para F-35? Revelação surge em meio a polêmicas envolvendo Huawei

Em meio à briga contínua entre os EUA e a gigante tecnológica chinesa Huawei, classificada como ameaça à segurança por Washington, verificou-se que uma subsidiária com sede no Reino Unido de uma companhia chinesa fabrica peças para os jatos americanos F-35.
Sputnik

Trata-se da companhia chinesa Exception PCB, com sede no condado britânico de Gloucestershire, que fabrica placas de circuitos que controlam os motores, iluminação, combustível e sistemas de navegação dos caças F-35 – o sistema de armas mais caro já feito.

De acordo com a emissora britânica Sky, citando materiais divulgados pelo Ministério da Defesa do Reino Unido, a empresa que fabrica componentes para os caças da Lockheed Martin foi comprada em 2013 pela companhia chinesa Shenzhen Fastprint, que inclusive já participou da fabricação de caças Eurofighter Typhoon e de helicópteros de ataque Apache.

"A Exception PCB, com sede em Gloucestershire, fabrica placas de circuito impresso que controlam muitas das principais capacid…

Nuclep antecipa entrega da obra de chapas marginais para o SBR-4

No dia 3 de agosto, a Nuclep concluiu a montagem e soldagem de 96 chapas marginais e 4 suportes para as Seções 3 e 4 do Submarino Angostura (SBR-4).


Poder Naval

Cabe ressaltar que a conclusão da obra ocorreu com antecedência de 27 dias em relação ao prazo previsto no contrato com a Itaguaí Construções Navais (ICN), cujo objeto é a construção de 4 cascos de submarinos convencionais, e que está inserido no Programa de Desenvolvimento de Submarinos (Prosub).


O programa também prevê a construção do primeiro submarino de propulsão nuclear (SN-BR) do Brasil, cuja assinatura de contrato aguarda a conclusão das etapas precedentes.

As chapas marginais são peças estruturais utilizadas para a fixação de tanques ao casco. Já os suportes são parte da estrutura de apoio e fixação do periscópio de ataque.

Dentro do contrato com a ICN, a conclusão desse serviço abre portas para que mais obras sejam acrescidas ao escopo previsto originalmente, fortalecendo a atual parceria entre a Nuclep e a ICN na condução das obras do Prosub.

FONTE: Nuclep

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas