Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Área militar do governo brasileiro demonstra desconforto com suspensão de investigação do caso Queiroz

Integrantes da área militar do governo demostraram desconforto com o pedido de suspensão da investigação para apurar movimentações financeiras de Fabricio Queiroz consideradas "atípicas" pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf).
Por Gerson Camarotti | G1

A avaliação de auxiliares do presidente Jair Bolsonaro é que essa decisão tomada pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), só faz prolongar o desgaste provocado pelo caso.

O ministro Luiz Fux atendeu pedido do deputado estadual e senador eleito Flavio Bolsonaro (PSL-RJ), de quem Queiroz foi assessor. O Coaf apontou movimentação de R$ 1,2 milhão em uma conta bancária de Queiroz durante um ano sem que houvesse esclarecimento.

Para esses auxiliares, foi uma surpresa a solicitação feita por Flávio Bolsonaro para suspender as investigações.

“Ainda não há uma explicação convincente. Enquanto isso não acontecer, o desgaste desse caso vai continuar. Já está demorando demais”, comentou ao blog um auxilia…

Poder invencível: conheça 5 países que são impossíveis de conquistar

Não é possível conquistar tais países como a Rússia, EUA, China, Índia e Afeganistão, afirma o portal militar estadunidense We are the Mighty.


Sputnik

Entre as razões que tornam impossível a conquista da Rússia, o portal se refere não só ao clima severo, ao exército e ao território enormes, mas também às peculiaridades da psicologia nacional.

Militares russos na Parada Militar dedicada ao 72º aniversário da Vitória na Grande Guerra pela Pátria na Praça Vermelha em Moscou, 9 de maio de 2017
Militares russos em desfile © Sputnik / Aleksandr Vilf

"É mais provável que os russos destruam seu próprio país do que o entreguem a qualquer invasor", sublinha o portal.

Por isso, os eventuais conquistadores devem levar em conta, destaca, que terão que combater contra "cada russo em 11 fusos horários".

Já os EUA não serão subjugados não só por causa das suas poderosas Forças Armadas, vasto território e grande população, mas também devido ao fato de os cidadãos serem autorizados a usar armas.

Quanto à China, o portal indica que a razão de sua invencibilidade baseia-se na sua população de 1,3 bilhão de pessoas. Entre os fatores adicionais há o grande território do país, doenças causadas pela superpopulação, uma economia desenvolvida que copia os avanços tecnológicos de outros países, o que, em sua vez, pode resultar em Forças Armadas poderosas.

Caso os eventuais conquistadores decidam alcançar a Índia, enfrentarão as peculiaridades climáticas e geográficas do país e sua estratégia militar naval, que prevê posicionar submarinos nas águas costeiras para resistir a navios adversários.

O Afeganistão, aponta o portal, é impossível ser dominado devido ao seu relevo complicado e à necessidade de governar uma população multiétnica.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas