Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Lançamento do Submarino Riachuelo – S40 (VIDEO)

Hoje, 14 de dezembro, às 10h da manhã em Itaguaí-RJ, teve início a Cerimônia de Lançamento do Submarino Riachuelo, o primeiro de uma série de quatro submarinos convencionais e um nuclear que estão sendo construídos pela Marinha do Brasil. A cerimônia conta com a presença do Presidente da República.
Poder Naval

O nome do primeiro submarino, “Riachuelo”, é alusivo à Batalha Naval do Riachuelo, considerada decisiva na Guerra do Paraguai, com atuação destacada da Marinha do Brasil.


Acompanhe a Cerimônia em tempo real no vídeo no final deste post.
Prosub

O Brasil tem o mar como uma forte referência em todo o seu desenvolvimento. É nessa área marítima que os brasileiros desenvolvem as atividades pesqueiras, o comércio exterior e a exploração de recursos biológicos e minerais. A imensa riqueza das águas, do leito e do subsolo marinho nesse território justifica seu nome: Amazônia Azul.

A Amazônia Azul cobre uma área de 3,5 milhões de quilômetros quadrados. Mas o país pleiteia na Organização das Naç…

Rússia investe em Sistema Aéreo de Alerta e Controle (AWACS)

O ministério da Defesa da Rússia receberá ainda este ano duas novas aeronaves Beriev A-50U (Nome em documentos da OTAN: Mainstay) especializadas em alerta e controle aéreo (AWACS), afirmou o vice-ministro da pasta, Alexei Krivoruchko, nesta quinta-feira.


Sputnik

"Uma atualização muito extensa está em andamento. Receberemos outros dois aviões este ano, e a modernização de todas as aeronaves deste tipo atualmente em serviço continuará no futuro", disse Krivoruchko durante a visita à fabrica da Beriev Aircraft Company, cuja planta fica localizada na cidade portuária de Taganrog, no sudoeste da Rússia.

Avião-radar russo A-50
Beriev A-50 © Sputnik / Ivan Rudnev

Durante a visita de Krivoruchko à cidade, ele recebeu atualizações sobre os testes da aeronave A-100 AWACS, bem como sobre a modernização do avião estratégico Tu-95MC Bear.

Além disso, ele foi informado sobre a modernização da aeronave de reconhecimento marítimo Tu-142, da aeronave A-50, bem como da nova aparência da aeronave A-50U.

A primeira aeronave A-50U foi entregue às Forças Armadas da Rússia em 2011. Desde então, esses aviões têm sido usados ​​ativamente pelas forças russas, inclusive durante suas operações antiterroristas na Síria.

Segundo informações da imprensa especializada, graças ao poderoso radar Shmel, a aeronave A-50U pode rastrear alvos localizados a até 600 quilômetros de distância.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas